Aceite as coisas que você não pode mudar.

Aceite as coisas que você não consegue mudar. Cabe aqui repetir a valiosa oração da serenidade: Deus, concedei-me a serenidade para aceitar as coisas que eu não posso modificar, coragem para modificar aquelas que eu posso e sabedoria para perceber a diferença.

Devo me concentrar em aceitar tudo aquilo que não tenho o controle, e nem responsabilidade, o que me libera do papel ultra pesado que assumi voluntariamente, consertador do mundo.

Não sou ajudante de Deus. Sou simplesmente um indivíduo procurando fazer o melhor, um dia de cada vez.

Muita ansiedade:

A ansiedade é enorme quando assumimos que somos o juiz do mundo, e também o responsável por emitir um parecer conclusivo sobre tudo e todos, e ainda ter que tomar uma atitude e ação para consertar tudo que julgar errado.

Estamos liberados desta tarefa. Estamos liberados para fazer apenas a nossa parte, e para isso precisamos de coragem e discernimento.

E isso não se restringe às coisas e situações, mas principalmente às outras pessoas.

Temos o péssimo defeito de achar que devemos consertar as outras pessoas.

Nem bem conhecemos o outro e já julgamos, enquadramos e prescrevemos algum remédio para corrigir tal deficiência.

Prepotência:

Somos prepotentes, arrogantes e por trás dessa capa de aço inoxidável, está um ser incapaz de olhar para si mesmo.

Mas é uma deficiência capaz de ser corrigida, e o primeiro passo é reconhecer que a temos.

O segundo passo é aceitar que temos a deficiência e assim partirmos para etapa seguinte que é amenizá-la, deixa-la ir e assim impedir que a deficiência seja uma pedra no nosso caminho.

Ao invés de querer mudar os outros, podemos sim mudar a nós mesmos, e isso está no nosso controle.

Coloque energia naquilo que você pode mudar, fique em paz e seja mais feliz.                     R.S. Beco

1 Comentário

Marina

about 9 anos ago

Bom dia Beco! Como é bom acordar e saber que posso contar com palavras sábias, na medida certa e me descobrir a cada dia. Grande abraço! Tenha um ótimo ano!!

Responder

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.