Você não ganha nada criticando os outros.

Evite esse hábito ruim de ficar julgando e criticando os outros.

Não ganhamos nada em criticar e apontar para os erros e feridas dos outros.

Detestamos quando as pessoas nos criticam gratuitamente – temos que evitar fazer o mesmo com os outros.

É também um tempo perdido, pois focando a nossa atenção nos defeitos dos outros, deixamos de olhar para nós mesmos e desperdiçamos a energia que poderíamos investir em nos tornarmos pessoas melhores.

Podemos fazer uma crítica construtiva, com a intenção e o teor de ajudar, mas facilmente cruzamos o limite da intromissão e falta de educação.

Temos que ter um cuidado enorme para criticar, e o melhor a fazer é construir o inventário dos próprios defeitos.

O que corrigir em nós mesmos – como me tornar uma pessoa melhor – o que fazer para me tornar a pessoa que quero ser.

Receita infalível:

Uma receita infalível é pensar nas qualidades da pessoa que estou em vias de criticar.

A minha mente inicia o seu trajeto pelo julgamento negativo, e imediatamente, se dando conta disso, insiro algumas características positivas da mesma pessoa.

Faço com que as coisas positivas se sobreponham às negativas. Se não for suficiente, vasculho a memória e trago mais coisas negativas.

Um pequeno truque: quando não encontrar nada positivo, e sentir que a crítica negativa é inevitável, desvie a sua atenção para outra coisa. Pegue o violão e cante uma canção. Entre na loja e escolha uma roupa. Arrume os armários. Aplique a técnica da distração.

Outra coisa que funciona bem, é fazer um elogio. Elogie os sapatos, elogie os filhos, elogie o time de futebol, e isso vai distrair sua mente.

No final das contas, você deve evitar as críticas e julgamentos, pois certamente são coisas que estão fora do seu controle, e seria como dar murro em ponta de faca. Totalmente inútil, desnecessário e doloroso para você mesmo.

Coloque o foco no seu próprio crescimento, e seja feliz.

R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta