Vá com calma, um dia de cada vez

Vá com calma, um dia de cada vez

A vida não é uma corrida que vai se concluir em algumas horas, temos que ir com calma, manter o foco no crescimento pessoal, um dia de cada vez.

Temos todos nós um caminhão de coisas para fazer e resolver.

O mundo não é justo – ponto final. A minha carga é pesada – ponto final.

Mas não preciso resolver tudo, agora, exatamente hoje.

Concentrar-se no dia que está vivendo te ajuda a reduzir as preocupações exageradas com o futuro.

Observe a natureza, as plantas e as flores, e tenha prazer enquanto vive e resolve os seus problemas.

Cada fase tem a época certa. Não se chega aos frutos sem as flores, e não dá para apressar, tudo vem na hora certa.

Concentração:

É como ler um livro – fazemos uma página de cada vez.

Se pularmos as páginas, a história começa a não fazer sentido.

Temos que nos concentrar na página que estamos lendo.

Na vida é assim também, temos que nos concentrar no estamos fazendo, um dia de cada vez.

O ontem já passou e o amanhã ainda não chegou.

Posso não saber tudo que virá amanhã, mas ele certamente virá, e é bom encarar o fluxo da vida com serenidade.

Sei que tenho que tirar um pouco a cabeça das preocupações do amanhã, pois isso vai me permitir viver o hoje com plenitude.

Muitos estão numa empreitada difícil, tais como se livrar de alguma dependência química, abandonar o cigarro, e para tudo isso, nada melhor que encarar a tarefa um dia de cada vez.

Outros têm que lidar com a mesma carga todo santo dia – uma doença crônica – uma incapacidade permanente – uma reclusão prisional, e é mais confortante lidar com isso um dia de cada vez.

Dê um passo bem dado, conclua bem a sua tarefa, dê o melhor de si e se orgulhe do fez.

Procure baixar a inquietação, e traga a mente para o dia de hoje.

Aja com calma e coragem para enfrentar os problemas do hoje. Faça o que está ao seu alcance. Trace os objetivos de maneira realista.

Seja feliz – um dia de cada vez.                                                                                     Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta