Uma boa ação – como perceber

Uma boa ação – como perceber

Aprenda a apreciar uma boa ação. Reconheça um ato generoso, altruísta, aquele que vem do coração.

Quando calibramos excessivamente o nosso olhar para enxergar a maldade no mundo, acabamos perdendo a sensibilidade para enxergar as boas ações.

Assistimos muito os noticiários na televisão e acabamos achando que o mundo é só maldade e que não há um canto seguro para se viver.

O noticiário é calibrado para tudo que é ruim, pois sabe que a nossa atenção é naturalmente voltada para isso. Como diz o mote da mídia – if it bleeds, it leads, o que significa que aquelas notícias sanguinárias são as mais visualizadas.

Bondade:

Há mais bondade no mundo do que imaginamos, até porque o homem é bom na sua natureza.

Apesar da correria do dia-a-dia, ajuste devagarinho o seu olhar para captar os pequenos atos de bondade.

É um fenômeno interessante. Quanto mais percebemos, mais aumentamos a nossa capacidade de enxergar.

Preste atenção nas boas ações de outras pessoas. Aprenda a apreciar uma boa ação feita por outra pessoa. Coloque atenção, reflita.

Observar a bondade que existe no mundo, nos inspira para também a praticar o bem, o que contribui para nos tornar pessoas melhores e mais felizes.

Veja quantos atos de bondade totalmente desinteressados acontecem neste mundo que você antes achava hostil e perigoso.

No trânsito frenético da volta do trabalho, de repente um ato gentil de dar passagem.

A fila enorme no super mercado, todos apressados e cansados, e de repente um ato de bondade.

Uma rodoviária lotada no feriado prolongado e de repente um ato de bondade.

Volte a ser uma pessoa gentil e bondosa, simplesmente calibrando o seu olhar para o bom, limpando as lentes dos seus óculos para a boa natureza humana.

O ser humano, assim como a flor que se vira para o sol, o efeito heliotrópico, somos atraídos pela luz dos outros, atraídos pelos atos virtuosos das pessoas.

Volte a apreciar e a praticar atos de bondade.                                                                                                       Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta