feliz no trabalho Posts

Procure satisfação no seu trabalho.

Já comentei algumas vezes sobre a felicidade no trabalho, mas tenho refletido tanto sobre isso ultimamente, pois me aposentei da empresa após 32 anos de dedicação e estou iniciando uma segunda carreira.

Independente da complexidade e ambiente de trabalho, sempre há pessoas que gostam do que fazem e outros que não.

Todos gostariam de fazer parte daquelas pessoas que gostam do que faz.

Há ainda aquela história de dois indivíduos que quebram pedras, um trabalho reconhecidamente insalubre. O primeiro, entediado e cansado diz que o seu trabalho é quebrar pedras, e o segundo, mais motivado e feliz diz que o seu trabalho é construir uma catedral.

O homem está sempre na busca de sentido e isso nos torna feliz e completo, assim como nos ensinou Victor Frankl no livro – em Busca de Sentido.

Estabelecer metas desafiadoras para si mesmo, buscar interações agradáveis e enxergar sentido grandioso naquilo que faz é parte da receita para ser feliz no trabalho.

É claro que você pode chegar à conclusão que precisa mudar de trabalho ou eventualmente de emprego, mas estabeleça como objetivo se sentir feliz naquilo que faz.

A Clinica Mayo divulga umas boas recomendações, que resumo abaixo. 

Quando encaramos o trabalho como um emprego, acabamos pensando somente no dinheiro, no aumento salarial, na outra empresa que paga melhor, e isso não é algo que conduz à felicidade.

Podemos também enxergar o trabalho como uma carreira, e assim estamos focados mais no aumento salarial, na promoção, no status e prestígio, o que também não contribui muito para a felicidade.

Podemos, por outro lado, encarar o trabalho como um chamado, preocupado mais com o sentido do que faz, focalizando mais na tarefa em si, na missão e assim como falamos na vida plena, podemos aqui, falar de trabalho pleno, compenetrado.

Vale comentar novamente, que cabe perfeitamente aqui, o conceito de fluxo de Mihaly Csikszentmihalyi.

Podemos sempre, sem nos descuidar da questão financeira, estabelecer novos desafios para aquilo que estamos fazendo, assumir um projeto ou uma liderança em algo que nos motiva.

O ambiente de trabalho é sempre uma aprendizagem nos dois sentidos, assim como aprendemos, podemos ensinar. Há um sentido muito nobre em ensinar aquilo que você já sabe para os colegas das novas gerações.

Beco