coragem Posts

Forças limitantes

Forças limitantes

Examine com cuidado as forças que estão te limitando.

O que te impede de fazer as coisas que quer fazer?

Quais são as forças externas que estão te restringindo?

É possível que numa análise mais acurada, você verifique que as limitações sejam virtuais e estejam apenas na sua imaginação.

Muitas vezes nos vemos impondo a nós mesmos mais limitações que o ambiente nos apresenta.

O medo faz parte de você

O medo faz parte da nossa natureza. Reconheça o medo, olhe para ele corajosamente.

Coragem não é ausência de medo, mas sim a capacidade de agir a despeito do medo.

Aprenda a lidar com o medo, impedindo que ele te paralise, te impeça de decidir e agir.

Quando olhamos para o medo de frente, crescemos diante dele, e ele adquire a devida proporção.

A medrosa dentro de si.

Olhe bem para a medrosa dentro de si. A coragem não é ausência de medo, mas a capacidade de agir a despeito do medo, já comentei várias vezes.

Olhe para a pessoa medrosa dentro de si e trate de encorajá-la para sair em movimento.

Não se perca no meio dos problemas, não deixe que eles te intimidem, e encare-os corajosamente.

Procure uma paz mental menos refém dos pensamentos negativos e derrotistas. Afinal, nem tudo está errado.

Há momentos que nos defrontamos com tantos insucessos, tantas iniciativas acabam travadas e nós mesmos nos sentimos imobilizados, desencorajados.

Se liberte de tantas amarras.

Imaginamos tantas limitações, e elas na verdade não existem.

Libere a pessoa capaz que tem dentro de si.

Se liberte de tantas amarras, tire-as da cabeça. Desafie cada uma delas e vai verificar que a grande maioria está apenas na sua imaginação.

Temos dificuldades sim, mas antes de serem limitações, elas são desafios e oportunidades para realizarmos o nosso potencial.

Quando estamos estressados perdemos de vista as oportunidades, e no meio da crise, as soluções passam pelo nosso nariz, mas estamos tão apavorados que nem enxergamos.

Dê um jeito no medo.

Encare de frente tudo que te amedronta. Dê um jeito nesse medo, e não se deixe dominar.

Imagine que vai se livrar desse medo e pinte um quadro de como seria sem esse medo.

Aprecie esse quadro, e vá na direção dele.

Aprenda a identificar a situação de medo, e justamente na hora que identificar o medo, traga para a sua mente, deliberadamente, imagens positivas associadas ao assunto que está te amedrontando.

Uma pessoa mais forte.

Sei que sou uma pessoa mais forte. Usei bem os percalços da vida para me fortalecer. Funcionou para mim como uma academia de ginástica.

Como disse John F. Kennedy: não ore para ter uma vida mais fácil, mas sim para se tornar uma pessoa mais forte.

A vida não é fácil para ninguém, já sabemos disso, e aprendemos a perceber que todos carregam a sua cruz.

Quando estamos em sofrimento, temos a ilusão de que somos os únicos aquinhoados com tanto azar. Com o tempo, maturidade e serenidade, aprendemos que isso não é verdade.

A coragem em ação.

Temos que exercitar a coragem, e ela tem que assumir as nossas ações.

É uma atitude, mas ela se expressa naquilo que fazemos, nas iniciativas que tomamos.

A nossa preocupação maior não deve ser em vencer o medo e sim e desenvolver a coragem, botar a coragem para trabalhar a nosso favor, enfrentando de frente as adversidades.

Deixe a coragem dominar o campo das decisões, se refletindo especialmente no campo das ações.