atenção Posts

Perceba a confiança

Perceba a confiança

Perceba a confiança quando ela se estabelece. Se dê conta de que alguém ou mesmo a natureza está te confiando alguma coisa. É uma atitude que podemos exercitar e aprimorar, como aprendi com meu sobrinho Daniel.

Confiança

É uma das coisas mais importantes na vida de qualquer pessoa, ou mesmo de uma nação, de uma sociedade.

A confiança, ou o nível dela, mostra o estágio de desenvolvimento de uma instituição, de um relacionamento.

Meu sobrinho Daniel estava conversando com seu irmão Rafael sobre essa questão da confiança, e eu, que tomei isso como uma lição de ouro, passei a fazer esse exercício em todas as coisas do meu cotidiano.

Temos que exercitar, temos que aprimorar, e devo dizer que a esta prática tem sido uma coisa muito prazerosa e positiva para mim.

Natureza

Especialmente quando olho a expressão da natureza, das plantas e dos animais, reconheço como um voto de confiança em mim mesmo.

Quando vejo uma flor desabrochando, aceito isso como se a planta estivesse me confiando esta flor.

Tenho o mesmo tipo de pensamento quando vejo um fruto novo crescendo no meu quintal, quando noto um passarinho ensaiando um novo ninho perto da minha casa.

Vida nova

Quando vejo uma semente brotando, uma nova plantinha se estabelecendo, entendo imediatamente que a natureza está me confiando alguma coisa muito importante. Sei que tenho que cuidar. É uma vida nova que está me sendo confiada.

Um novo olhar

Depois que passei a fazer essa prática e a envolver minha esposa no mesmo exercício, sinto que o dia ganha mais brilho. Sinto que a vida adquire um novo colorido.

Me mudei recentemente para uma nova casa e esta semana notei um casal de joão de barro confabulando em torno de um ninho antigo no meu quintal. Acho que era um ninho que haviam abandonado mas estavam pensando em retornar.

Disse logo para minha esposa: “o joão de barro está confiando na gente”.

Me vem a vontade de parafrasear o poeta inglês nascido em 1770, William Wordsworth: “que as línguas maledicentes, o julgamento desmesurado e os pensamentos negativos não me privem de apreciar o que a natureza me presenteia e me confia neste exato momento”.

Gratidão

Quero sempre exercitar a gratidão em tudo que acontece na minha vida, e este exercício da confiança tem me ajudado a não me esquecer de agradecer.

Rubens Sakay

O seu negócio

O seu negócio

Um ensinamento maravilhoso sobre cuidar das minhas coisas, veio da leitura de Byron Katie, que diz que há três tipos de negócios: o seu negócio, o negócio dos outros e o negócio de Deus, e sobre isso ela faz a seguinte reflexão:

Você tem que dedicar o seu tempo e sua energia cuidado do seu negócio, da própria vida. Mas isso não é assim tão fácil.

A falta de foco faz você grudar em pensamentos ruins

A falta de foco faz você grudar em pensamentos ruins

Quando não estamos concentrados naquilo que estamos fazendo permitimos que a nossa mente vague sem rumo. Quase sempre, ela acaba grudando em algum pensamento negativo, uma preocupação desnecessária.

Viva o que está fazendo. Se concentre.

Não deixe a mente vagar por coisas remotas e improváveis. Sonhar é bom, mas deixar a cabeça perdida em problemas insolúveis e sentimentos mesquinhos é desperdiçar a vida e deixar de aproveitar o momento.

Fechar a boca por um tempo.

Apesar do meu empenho em ouvir mais, tem sido difícil fechar a boca por um tempo para dar chance aos ouvidos trabalharem um pouco.

Afinal, é praticamente impossível ouvir adequadamente quando estamos falando, ou mesmo quando estamos preparando a nossa fala.

Assim é que deixamos de ouvir qualquer coisa, pois estamos, ou falando ou nos preparando para falar.

Feliz em ouvir plenamente.

Alguns dizem que é uma benção estar vivo.

Outros dizem que é uma benção poder ouvir.

Digo que é uma benção ter a capacidade de ouvir plenamente.

Isso não quer dizer ouvir fisicamente – não ser surdo.

Muita gente que não é surda não tem sequer a capacidade de ouvir.

Seja amigo íntimo de si mesmo.

O amigo externo é importante, mas o amigo interno é insubstituível.

Mesmo quando estamos felizes, e principalmente quando enfrentamos problemas, sentimos falta de um amigo íntimo para compartilhar tudo isso.

Aprenda a mergulhar no seu íntimo e digerir tudo que se passa consigo. Mas não dispense o amigo externo e nem a ajuda profissional quando a coisa for muito séria – não se isole.

Quando uma pessoa busca a felicidade fora de si, e se vê desapontada, quer a todo custo obter as explicações nesse mundo externo que foi a sua arena – e acaba não encontrando.

Quando uma pessoa busca a felicidade e não encontra – se volta para dentro – faz uma reflexão profunda – arruma a casa e toca em frente – no final acaba encontrando a felicidade autêntica.

Muitas pessoas não cresceram. Mantiveram o mesmo comportamento primitivo de querer ser amado e cuidado, assim como um bebê, uma criança.

O desenvolvimento saudável de qualquer um, implica em ganhar autonomia, assegurar a individualidade, construir um eu interno forte e consciente.

O amigo interno forte vai sempre te colocar pra cima, vai sempre te impulsionar pra frente – vamos lá você consegue – você é capaz.

O amigo interno fraco é como um espelho bizarro, refletindo as coisas de maneira distorcida e amplificada. É o carrasco da ruminação dos problemas.

É muito importante aprender a conviver com os próprios sentimentos, é a linguagem sua com o seu amigo interno.

Às vezes nos descuidamos do nosso amigo interno e o deixamos enfraquecer.

Observe como você cuida do seu melhor amigo externo. Cuide do seu amigo interno da mesma maneira.

Carinho consigo mesmo.

Beco