Alegria Posts

Não fique triste por se sentir triste.

Não fique triste só por estar triste. Aceite suas emoções, e deixe a dor passar. Deixe o desconforto ir embora.

Especialmente os meninos foram criados com o cuidado de esconderem suas emoções, e isso dá a eles(nós), um legado triste, de reprimirem as emoções e consequentemente lutarem com elas, seja boas ou más, alegres ou tristes.

Nos ensina Haim Ginott, psicólogo que lecionou na Universidade de Columbia, que não devemos desprezar as emoções dos pequenos, minimizando, depreciando, pois eles acabarão aprendendo a fazer o mesmo, com sérios prejuízos para eles mesmo.

Responder o positivo com negativo.

Um amigo te conta uma notícias boa, algo fantástico que lhe aconteceu e a sua mente percorre algo negativo acontecendo com essa pessoa, como se a boa notícia chamasse o desejo de algo ruim.

Isso acontece por conta das comparações e da inveja.

Alguém te mostra o carro luxuoso que acabou de comprar – você já prognostica o carro quebrando, apresentando um defeito de fábrica.

O vestido novo exuberante da amiga, e você imagina ele se deformando ou desbotando à menor chuva.

Um amigo te conta um projeto fabuloso em que está engajado e você imagina o projeto indo por água abaixo.

A alegria em todas as coisas.

Se mantenha alegre e usufrua da alegria que há em todas as coisas.

Normalmente estamos tão ansiosos querendo tanto que as coisas aconteçam que nos esquecemos de nos alegrar em todos os momentos da vida.

Comece o dia sorrindo e não deixe ninguém te tirar esse sorriso.

O mundo é abundante e a alegria é alimentada de várias formas, a beleza e a felicidade também.

A alegria altruísta.

A alegria altruísta é estar feliz pelo sucesso e felicidade de outros.

Se você tiver dificuldade para praticar isso, faça como nos ensina o Dr. Rick Hanson no seu livro “Hardwiring Happiness”: tente se sentir feliz com a alegria de um menino tomando o seu sorvete, a felicidade de um bebê no colo da mãe.

Depois passe para experimentar com adultos, passando por pessoas desconhecidas e já no estágio avançado, ficar feliz com o sucesso pessoas que você sequer gosta.

É difícil chegar a esse estágio, mas como tudo, devemos começar um passo de cada vez.

Não procure o que não quer.

Quem procura encontra. Não procura o que não quer e evite o sofrimento.

Examine o seu comportamento e mude a sua conduta.

Não provoque o sofrimento nas outras pessoas, pois o sofrimento é também o seu.

O mundo é um só, e somos todos interconectados.

Preste atenção no circulo vicioso dos relacionamentos. Evite os conflitos.

Esteja pronto para sorrir.

Esteja pronto para sorrir no seu cotidiano. Caminho com o cachorro todos os dias logo pela manhã, e cruzo pessoas carrancudas, começando o dia com a cara amarrada.

Dou logo bom dia e sorrio. Quero mesmo que entendam que eu desejo de coração que elas tenham um bom dia, mas nem todo mundo está pronto para sorrir. Sinto neles um desconforto, quase uma surpresa em ter que sorrir inesperadamente para uma pessoa estranha.

Fico pensando que deveríamos ter um sorriso engatilhado, pronto para desabrochar, em qualquer circunstância.

Pequenas coisas.

Fique atento para as pequenas coisas do seu cotidiano.

Mesmo os eventos mais singelos trazem impacto para a sua felicidade, e a ciência mostra que são precisos três eventos bons para equilibrar um simples evento ruim. Não se deixe impactar demasiadamente por pequenos eventos ruins, ao tempo que aproveita ao máximo as pequenas experiências positivas.

Agradeça todas as graças que tem recebido e estará reforçando o lado bom da vida, trabalhando assim a favor da sua felicidade e bem estar.

Podemos achar que os grandes eventos é que representam o nosso cotidiano, mas estes são raros, e aquilo que você faz durante o dia é na verdade um rosário de pequenos eventos.