agora Posts

Hoje sim

Hoje sim

Hoje sim – comece o dia com uma pegada otimista.

Porque devo colocar o meu foco no hoje?

A vida é como uma ampulheta, onde uma quantidade enorme de areia já passou pelo gargalo, e um tanto ainda está por passar. O passado já passou pelo gargalo, e um elenco enorme de possibilidades vai se tornar realidade concreta ao passar pelo gargalo. Enquanto não passa pelo gargalo, são apenas possibilidades.

O gargalo é o hoje, onde parte pequena do elenco enorme de possibilidades se torna realidade definitiva e imutável na sua vida.

O primeiro dia da sua lua-de-mel.

Escreveu Leon Tolstoi que devemos viver o dia como se fosse o primeiro dia da lua-de-mel e o último dia das nossas férias.

No primeiro caso, queremos que dure a vida inteira. No segundo, gostaríamos que durasse a vida inteira.

Em ambas situações, me parece que nos empenhamos para aproveitar o máximo daquele dia, cada minuto, cada momento.

Pare para apreciar a vida.

Pare um pouco para apreciar a vida. A felicidade pode não estar no objetivo distante que você insiste em perseguir, mas aqui, agora, na sua frente. É preciso parar para apreciar. É preciso se dar tempo para si mesmo, ou a vida, que é única, será totalmente desperdiçada.

Entendo que a agenda de todo mundo é uma correria, sem contar os afazeres do lar, pagar as contas, se desvencilhar da burocracia que o mundo moderno nos impõe.

Mas tudo isso não pode servir de desculpa para não viver uma vida plena. Ao final da sua vida, nem você mesmo vai engolir essa desculpa.

Cuide dos minutos e dos momentos.

Se tomarmos conta dos minutos e dos momentos, as horas e dias tomarão conta de si mesmo.

Temos que nos concentrar no momento presente, cuidar daquilo que estamos fazendo agora.

O excesso de preocupação com o futuro prejudica as ações que temos que tomar agora mesmo.

Muito daquilo que é a nossa preocupação, não vai acontecer.

Tememos tanta coisa que simplesmente não corresponde à realidade dos fatos.

Hoje – um pequeno pedaço da minha vida.

Não posso fazer o amanhã nem posso desfazer o ontem, mas posso sim, aproveitar tudo o que a vida me oferece hoje.

Um dia é pouco na vida, e hoje é um pequeno pedaço da minha vida.

No entanto, é tudo o que tenho para aproveitar exatamente agora. Tenho que tirar o melhor proveito, saborear plenamente.

Por acaso, hoje, é a parte da minha vida que tenho todo o controle.

O medo não tem a ver com o agora.

O medo e o estresse que vivemos no nosso cotidiano pouco tem a ver com aquilo que estamos vivenciando no momento. Na verdade, o medo é que problemas apareçam, dificuldades aumentem, e uma catástrofe venha para acabar com tudo que temos hoje.

O medo tem a ver com o futuro, e é essa mente catastrófica que nos domina quando pensamos no futuro, que traz essa enxurrada de problemas imaginários para nos atormentar exatamente agora, quando deveríamos estar aproveitando o momento presente.

O momento que estamos vivos.

Temos que viver plenamente simplesmente porque estamos vivos.

Você tem apenas um momento para viver, e é exatamente este momento em que você lê este texto.

A vida transcorre a um segundo por segundo, e é neste exato segundo que você executa, age e dá mostra de que está vivo.

Esteja compenetrado no momento presente para poder usufruir a vida como ela merece ser vivida.

A vida é uma benção, já comentei inúmeras vezes, e cheguei a esta conclusão por conta de incontáveis vezes que dei graças simplesmente por estar vivo, apreciando e saboreando o que a vida me oferece.