Sua melhor escolha

Sua melhor escolha

Ficamos muito estressados com nossas escolhas. Carregamos a dúvida se conseguimos escolher bem, se o caminho trilhado era o melhor. Esse estresse pode e deve ser reduzido. Muita escolha é também motivo de infelicidade.

A escolha perfeita:

É da natureza humana procurar escolher bem, aliás, escolher a melhor de todas as alternativas disponíveis.

Assim, depois de tudo escolhido, ficamos sempre na dúvida se fizemos a melhor escolha.

Essa dúvida vai sempre nos matar. É um estresse sem fim.

Queremos maximizar a nossa escolha, queremos a escolha perfeita.

Mas é bom saber que a escolha perfeita não existe.

Fique bem com aquilo que escolheu:

Procure tirar o melhor daquilo que escolheu, do caminho que optou por seguir.

Encontre mais respostas para a sua escolha e menos para as outras que você não escolheu.

Fique bem com sua escolha e aproveite, saboreie o caminho a ser trilhado.

Muitas escolhas é infelicidade:

A ciência já mostrou, cito Barry Schwartz, Ilona Boniwell e Sheena Yiengar, cientistas do comportamento e da escolha humana, que mostram que o melhor é ficar com poucas e boas alternativas.

Muita escolha traz infelicidade. Procure simplificar o seu portfólio de escolhas.

Foco:

Procure não abrir muito o leque, um pouco de foco faz bem. A vida fica mais fácil, e nos sentimos mais felizes.

Isso vale para a leitura do cardápio do restaurante, da escolha de roupas e assim por diante.

Procure focar em poucas coisas importantes, interessantes, atrativas. A escolha vai ficar mais fácil e o seu contentamento vai ser maior.

Distração:

No mundo de hoje, a distração é enorme, e de repente, o leque daquilo que vai ocupar o nosso tempo e nossa atenção parece interminável. Reduza esse cenário.

Simplifique a vida para melhor.

Faça menos e melhor.

Escolha menos e esteja mais satisfeito com tudo que escolheu.

Rubens Sakay

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked