Sobreviver não é suficiente.

É preciso viver intensamente.

A vida apresenta um elenco enorme de alternativas, oportunidades, escolhas e caminhos.

Se deixar levar, correndo atrás do pão de cada dia me parece um desperdício frente à abundância da vida.

Quando me refiro a resolver os problemas um dia de cada vez, quero dizer que não precisamos resolver tudo hoje.

Não acontece e repente:

Não vamos dar jeito na nossa vida de uma hora para outra.

Mas quando falamos das coisas boas, da fartura e da alegria de viver, temos que viver com plenitude.

Se a vida merece ser vivida, ela merece ser vivida intensamente.

Temos que aproveitar os momentos, guardar as lembranças e afastar o arrependimento.

As oportunidades que se descortinam devem ser tomadas sem culpa, com alegria.

Devemos sempre dar graças a tudo que recebemos e assim abrir as portas para receber mais e sempre.

Viver em paz é necessário. Não permitir que o passado nos assombre e o futuro não nos amedronte é condição para aproveitar cada momento, imerso e compenetrado.

Piloto automático:

Devemos sair do piloto automático. Devemos assumir a responsabilidade pela nossa vida, decidindo, escolhendo e se engajando de coração em viver cada experiência.

Quando vamos para o campo dos relacionamentos pessoais, aí então é uma avenida de oportunidades.

Oportunidades para ser feliz, para aprender, para conviver e se alegrar.

Viver com os amigos, viver com a família e mesmo nos interações curtas com pessoas que sequer conhecemos. Temos sempre a chance de tornar cada minuto valioso e memorável.

Levar a vida tudo em preto, branco e cinza pode parecer confortável, mas não tem graça alguma.

Temos que dar um colorido, inserir uma trilha sonora, e sobretudo conferir sentido.

Beco

1 Comentário

Marina Hirata

about 5 anos ago

Bom dia Beco!! Você me surpreende todo dia com suas palavras, como se fossem especialmente dirigidas para mim. E eu fico em paz, feliz sem sentir culpa! Obrigada sempre, pra tda vida. Grande abraço!

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta