Se permita um agrado

Se permita um agrado

Cuide de si mesmo, pois é um dever inalienável. Quem vai cuidar de você, se você mesmo está negligenciando?

Há quanto tempo você não se agrada, deliberadamente. Mantenha uma lista de coisas que pra você são agrados. Principalmente coisas que não te façam se arrepender. Uma taça enorme de sorvete pode te levar a uma crise de consciência. Um gasto excessivo em roupas pode te criar mais problemas financeiros. Mas dois minutinhos para ler aquela mensagem carinhosa que você recebeu de uma amiga querida, e que o dia-a-dia e a correria do trabalho te fez enfiar na pasta de mensagens para ler depois, pode ser um agrado valioso.

Faça o que gosta:

Preparar você mesmo uma comida deliciosa e degustar com uma companhia agradável.

Caminhar com o cachorro ao por do sol buscando aquele relaxamento após um dia de trabalho.

Selecionar umas músicas de sua preferência e ouvi-las calmamente.

Avançar uma dezena de páginas na leitura daquele livro que você está deliciando.

Faça uma lista, repasse periodicamente, se dedique de coração.

Não se esqueça de você, e não conte os outros para fazer o que é seu dever.

Gostamos de agradar os outros e sentimos a nossa estima se elevar quando somos reconhecidos pela nossa atenção e generosidade, mas temos que ficar atentos, pois podemos exagerar de um lado e deixar faltar de outro.

A vida cotidiana moderna nos empurra para cima de uma esteira hedônica, correndo atrás do rabo e entretidos sobremaneira com coisas materiais. Consequentemente, descuidamos das nossas próprias vontades, sonhos e projetos.

É também fruto do comodismo de Maria vai com as outras, fazendo aquilo que os outros fazem, e com isso, acabamos realizamos projetos que não são nossos, tentando usufruir das migalhas dos desejos de outras pessoas.

Olhe para o próprio caminho e cuide da própria vida, não deixando de se agradar sempre que se lembrar.

Não perca de vista aquilo que realmente faz o seus olhos brilharem, e se caminhe nesse sentido.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked