Sabor de quero mais.

A vida é saborosa, cheguei a essa conclusão, e quero ter sempre essa sensação, esse sabor de quero mais.

Não quero viver para sempre, mas quero saborear a vida em todas as minhas atividades.

Às vezes comemos correndo, convivemos correndo e perdemos o sabor, o aroma, o bom da vida.

Especialmente nos feriados, temos o hábito de viagens corridas que nem nos damos tempo para desfrutar.

Estou em viagem para o campo, e reencontrar as pessoas, as paisagens, os animais e reviver as sensações que sempre me dão grande satisfação não tem preço.

Devagar:

Quero ter sempre essas oportunidades e ter a calma e serenidade para ir devagar, desfrutar compassadamente como quem degusta um vinho raro.

Quando vivemos tempos bicudos e nem tudo tem sabor de festa, temos que desenvolver a habilidade para saborear também as adversidades.

Quando estamos em dificuldades, o que passa na nossa cabeça é resolver, sobrepujar, e estamos certos quanto a isso.

Um pouco de serenidade nos permite enxergar os caminhos seguros e evitar os riscos desnecessários.

Mas quando passamos pelos trechos esburacados do nosso trajeto, temos que saborear essa sensação de realização e admirar a nossa capacidade de prosperar, a despeito das dificuldades.

Olhar positivo:

Olhar as situações com olhar positivo, nos coloca em vantagem tanto física quanto emocional para ultrapassar e evoluir.

Se sinta gratificado e abençoado, mesmo com as dificuldades, pois estas te impulsionam para desenvolver e mostrar as suas habilidades e capacidade.

Olhe o futuro com otimismo e sinta o sabor de ver as coisas boas acontecendo no futuro.

Sinta o orgulho de tudo que realizou e todas as empreitadas do passado.

Sinta profundamente o sabor de cada momento no presente.

R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta