Retome uma coisa que você já gostou.

Quando estamos para baixo, temos uma tendência a abandonar as coisas que gostamos.

Se gostamos de musica, deixamos de ouvir ou praticar. Se somos apreciadores da boa culinária, abandonamos.

Se gostamos de viajar, ficamos presos em casa.

Pegue um papel e faça uma lista das coisas que gosta, as quais abandonou temporariamente.

Retome.

A vida vai ficar mais agradável. O importante é quebrar o ciclo vicioso do mal estar.

Quando a auto-estima estiver descendo ladeira abaixo, tome algumas providências.

Vá ao mercado, escolha os ingredientes e prepare um jantar gostoso.

Isso vai permitir que o pensamento vasculhe a receita, que a memória percorra as ocasiões agradáveis em que a mesma receita foi preparada e as companhias valiosas que compartilharam dessa experiência.

O preparo da comida é ainda uma viagem ao mundo dos sabores e dos sentidos, revitalizando os canais energéticos.

Se o jantar envolver companhias agradáveis, o resultado é ainda melhor, o convívio, os elogios, a solidificação das relações – enfim, um alimento para a alma.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta