Pequenas vitórias não orquestradas.

Temos todos uma coleção de pequenas vitórias, e elas acontecem todos os dias.

Algumas tão pequenas que temos dificuldades de notar. Temos que ficar atentos.

São momentos de alegria, cheios de magia.

A natureza, os relacionamentos, as surpresas, as coisas que dão certo, enfim é o curso da vida abençoada que temos.

Às vezes nos parece que as vitórias não têm qualquer conexão.

Será que fazem parte de um grande objetivo? Difícil saber de verdade.

Atitude positiva:

A única coisa que sei é que os fios condutores para todas elas são a minha atitude positiva frente à vida, e minha perseverança.

Tenho que manter a minha mente aberta e o meu coração receptivo para tudo de bom que a vida me oferece.

Tenho que ser perseverante, assumir a minha responsabilidade e seguir adiante, a despeito das adversidades que sei estarão seguidamente no meu caminho.

A maioria das pequenas vitórias veio sem solicitação. Eu não pedi e nem desejei que acontecessem, mas tenho que dar graças por terem ocorrido.

São como os presentes que recebemos quando criança e que colecionamos dentro de uma caixa de sapatos. Um chaveiro, uma caneta, um cartão de Natal, um brinde da feira agropecuária, tudo se transforma numa coleção de pequenos agrados e pequenas lembranças.

No final, as milhares de coisas positivas se sobrepõem as outras tantas situações negativas.

Na balança, a vida é positiva e vale à pena ser vivida.

O lado bom da vida:

Enxergar o lado bom da vida é um exercício diário.

Mesmo quando a situação parece totalmente negativa, alguma lição positiva ela traz escondida.

Não devemos temer quando uma sucessão de eventos negativos parece nos intimidar.

Logo vem um rosário de acontecimentos e revelações que mostram porque estamos aqui.

Nem tudo faz sentido na hora que acontece, mas depois fica tudo bem.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked