Pense positivamente.

Não foi dessa vez. Da próxima vez vou fazer certo.

Não só pense positivamente, mas aja positivamente e fale positivamente.

Utilize palavras que impulsionem para frente ao invés de se segurar nos resultados fracassados.

Seja otimista – aprenda a ser otimista. Isso é possível, segundo o Prof Seligman, conforme ele ensina no livro – Aprenda a ser Otimista.

Algo que me impressionou foram os ensinamentos de como  que o discurso pessimista dos pais são assimilados pelos pequenos.

Hoje em dia, muita gente critica essa suposta onda de pensamento positivo.

Eu particularmente acho que estão exagerando.

O pensamento crítico pode conviver com o pensamento positivo – nenhum exclui o outro.

Quando estamos nos afogando, pensamos em nos salvar, em preservar a vida – não ficamos pensando na morte, no caixão e no velório.

Quando estamos tentando nos salvar de um naufrágio (imagine as crise), você vai se segurar em algo que flutue e que te mantenha salvo acima da linha d’água, ou vai se segurar em algo pesado, que te leve para o fundo.

O pensamento positivo pode te trazer melhoria na saúde, dizem alguns especialistas.

Veja o artigo do New York Times: Power of Positive Thinking…

Passe adiante.

Beco

1 Comentário

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta