Pare de parar.

Pare de parar, colocar obstáculos às suas realizações, e não seja você mesmo o pior crítico de suas empreitadas.

Parafraseando Ralph Marston do Greatday, você tem que parar de parar.

Pare de se boicotar, se culpando e colocando cascas de banana no seu próprio caminho.

Não duvide da sua própria capacidade, simplesmente se coloque à prova, desafie as próprias convicções.

Dê duro:

Dê duro e prove que é capaz, que aprendeu a lição, que se aprimorou e adquiriu novas habilidades.

Não pare só porque tem algumas duvidas de si mesmo. Vá em frente, conte com a ajuda de outros e corra atrás dos seus sonhos.

Estude bastante, se capacite e esteja preparado para desafios maiores, dificuldades inesperadas. A vida é assim mesmo, e quando olhamos para trás, para as barreiras que julgávamos intransponíveis, achamos até graça.

Acredite, e você vai conseguir. Não desista à menor dificuldade, persista, persevere e se levante rapidamente quando escorregar.

A vida é uma grande maratona com obstáculos por todo lado. Temos que aceitar a jornada tal qual ela vem, e se preparar, pois as dificuldades se tornam maiores com o passar do tempo.

Nos consolamos na sabedoria e na serenidade que vem com o tempo. Não nos desesperamos mais e sabemos que até os piores momentos passarão.

Aproveitamos a brisa reconfortante enquanto ela sopra, pois sabemos que o calor pode nos afligir um pouco mais adiante.

Poupamos a água e os recursos, e já aprendemos que momentos de carestia são inevitáveis.

Ajudamos os outros, pois somos ajudados nas adversidades, e aprendemos o bem viver em comunidade.

Com todas essas lições da escola da vida, não temos porque duvidar da nossa capacidade.

Nada de desistir quando falta mais uma volta. Não jogue a toalha, peça ajuda, encontre aquele tiquinho de energia lá no fundo.

Pare de se desvalorizar, seja seu melhor amigo e melhor conselheiro. Se levante, siga em frente, continue de cabeça erguida, pois essa é a sua vida.

R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta