Muito esforço para se concentrar.

Quando dispendemos muito esforço para se concentrar naquilo que fazemos, pode ser sinal de que não estamos empenhados, não enxergamos significado e sentido nessa atividade.

Se isso é o que fazemos todos os dias, enfim, o nosso trabalho, podemos acabar desmotivados, alienados, desatentos, e não só prejudicamos a nossa saúde, mas também estamos mais sujeitos a erros e acidentes.

Ao contrário, se você encontra sentido naquilo que faz, o faz naturalmente, com atenção plena, sem esforço desproporcional. A atenção te livra de erros e acidentes, e trabalhar de maneira leve, sem esforço, vai te fazer saudável física, emocionalmente.

Aprecie o que faz:

Procure uma conexão maior com aquilo que faz, mesmo que seja uma atividade corriqueira, sem conteúdo técnico.

Mesmo lavando pratos, é possível estar plenamente conectado.

Isso vale para os estudos, a empreitada para passar num concurso público ou entrar na universidade.

Vale para o trabalho humanitário e voluntário, mas também vale para o trabalho doméstico que normalmente fazemos de má vontade.

Encontrar significado tem que ser o nosso objetivo nas mínimas coisas que fazemos.

Quando encontramos significado, o fazemos como uma missão, um propósito definido, e assim explicamos para nós mesmos que isso faz sentido e deve ser feito da melhor maneira possível.

A vida é assim. Parece que algumas coisas nos deixam aborrecidos e outras nos trazem enorme prazer, mas temos que apreciá-la na totalidade, viver a vida por inteiro.

Não podemos chegar para esse banquete e aproveitá-lo somente algumas partes.

E o pior, não podemos sair dele sem aproveitar nada, desperdiçando o tempo precioso em bobagens e futilidades.

R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta