Hoje não tenho problemas.

Aprendi a não encontrar problemas onde não existem.

E hoje, dou graças por não ter problemas e poder viver o dia serenamente, fazendo as coisas que gosto.

Não dispenso os problemas, pois sei que fazem parte do meu caminho do crescimento e da aprendizagem, mas hoje vou me desligar deles temporariamente e fazer de conta que eles não existem.

Otimismo:

Sei que não é possível fazer isso sempre, mas é muito bom olhar o mundo com o olhar positivo e otimista, me liberando da aprendizagem de milhões de anos de que onde o arbusto se mexe há um tigre.

Sei que não há problemas na proporção que o meu alerta acena. Posso seguir o caminho com serenidade, pois as cobras e lagartos se foram há muito tempo.

O mundo não é tão ameaçador, e nem todos estão querendo me explorar e me espoliar. Tenho que tomar cuidado, e sobretudo, aprender a confiar com segurança nas pessoas. Mas posso fazer isso sem alarde, sem elevar a minha ansiedade e preocupação, a ponto de prejudicar a minha saúde.

Hoje é um dia abençoado. O sol brilha lá fora, e a brisa fresca, quase de inverno, espera indócil para entrar, logo que eu abrir a janela.

Os cachorros já se mostram impacientes para a caminhada matinal. Para eles, hoje é um dia perfeito como todos os outros, e vou imitá-los nessa atitude.

Vou manter um distanciamento adequado daquilo que tem me incomodado, os meus problemas, os prazos e os projetos, e procurar levar o dia em velocidade e ritmo de cruzeiro.

Sob controle:

Tudo está sob controle, e para aquilo que não tenho controle, sei que ELE mantém uma vigilância permanente.

Não preciso me preocupar tanto, e a imprevisibilidade do mundo trabalha a meu favor.

Quando caminho pelo parque, sei que a chance da pomba defecar no meu casaco é mínima, embora existam tantas, e elas façam isso constantemente.

O bem acontece, e estamos em grande instância, protegidos contra o mal.

Escolho fazer do dia de hoje, um dia sem problemas, e sei que para tal façanha não preciso da ajuda de ninguém.

Basta olhar com o olhar positivo este meu caminho abençoado.                                                   R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta