Foco nos seus pontos fortes.

Todos nós temos pontos fortes, embora tenhamos uma tendência a olhar muito para os pontos fracos.

As habilidades que te impulsionam para a felicidade não são aquelas de correr, nadar ou tocar instrumentos, mas sim de ser generoso, positivo, capaz de exercitar a empatia, capaz de cooperar e ajudar.

Aprenda a aceitar as suas inabilidades, pedindo ajuda e interagindo com outras pessoas nesses casos, e tire proveito dos seus pontos fortes.

Olhe para si mesmo e procure se conhecer melhor.

Coloque energia e dedicação para o auto-conhecimento.

Despenda menos tempo amargurado com seus pontos fracos, e mais tempo explorando os seus pontos fortes, este é o fundamento da psicologia positiva.

Segundo o site Reach-out, algumas características pessoais estão mais positivamente correlacionadas com a felicidade:

-gratidão;

-otimismo;

-entusiasmo e energia;

-curiosidade;

-habilidade para amar e ser amado.

Mushin Shilling, no seu blog: The Ecology of Life – A Ecologia da Vida, postou sobre as habilidades e a felicidade – coisas que ele aprendeu lendo Martin Seligman, o cientista da felicidade.

Nas palavras de Mushin, felicidade é quando: você pratica e faz algo no que é bom, e gosta de fazer, seguindo a sua intuição e o seu coração, como se transmitisse algo que vem da alma.

Após aplicar o teste sobre as próprias forças/virtudes/habilidades no site da Universidade da Pennsilvania, Mushin aprendeu que as virtudes e habilidades que ele mais valoriza são:

1-A capacidade de apreciar a beleza e a excelência nos mais diversos campos da vida – ciência, artes e experiências do cotidiano.

2-Criatividade, geniosidade e originalidade – pensar de formas não convencionais – dar o seu toque original.

3-A inteligência social, atentos aos sentimentos e motivações das outras pessoas, capazes de compreender as situações.

4-Curiosidade e interesse pelo mundo, fazendo perguntas, explorando e descobrindo coisas fascinantes.

5-Adorar aprender coisas novas, tanto nas aulas quanto por si próprio, lendo ou visitando lugares.

Se você tiver disposição para tal, pode entrar no site da Un.Pennsilvania e clicar no Via Survey of Character Strenghts na seção Engagement Questionnaires – faça o cadastro e aplique o teste.

Passe adiante.

Beco

4 Comentários

Eli Lima

about 8 anos ago

É, todos nós possuímos um arrimo, um ponto forte a ser reforçado. É um processo, podemos não estar atribuindo um valor a algo que pode nos dar sentido à vida. Como disse Sócrates: "... ajudai-me a buscar a beleza interior e fazer com que as coisas exteriores se harmonizem com a beleza espiritual." Fique bem.

Responder

Eli Lima

about 8 anos ago

Apesar do " ponto forte a ser reforçado" parecer redundância, eu tenho um ponto desses. Gosto de filmes, poesias e músicas, busco minhas inspirações nas análises que faço, principalmente da poesia, mas se não for na madrugada perco esse meu arrimo. É isto. Obrigada pela contribuição. Fique bem.

Responder

Mushin

about 8 anos ago

Thank you. Even though my Spanish isn't very good I liked much what I read.

Responder

dayanna

about 8 anos ago

foi mt dificio de encontrar esse site mais foi mt legal.

Responder

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked