Feliz por fazer a sua parte

Feliz por fazer a sua parte

Sinta-se feliz por ter feito o que estava ao seu alcance.

Nem sempre os resultados são aqueles que esperamos, mas devemos ficar satisfeitos e felizes por termos feito a nossa parte da melhor maneira possível.

Ao adotarmos uma atitude construtiva, estamos de uma maneira ou de outra contribuindo para melhorar o mundo à nossa volta.

Devemos ficar felizes em darmos a nossa contribuição.

É compreensível que não temos a capacidade de mudar o mundo. Não somos tão poderosos assim – mas temos a responsabilidade de contribuir para melhorar o lugar onde estamos.

Isso vale para o local de trabalho, para a família, para a vizinhança, para as relações pessoais. Especialmente importante na construção de valores morais e éticos adequados para cada comunidade.

Duas áreas onde sempre podemos contribuir são: ambiental e social.

Responsabilidades:

Contribuir sempre que possível para preservar o meio ambiente, proteger a natureza, economizar recursos naturais e preservar para as futuras gerações.

Contribuir sempre que possível para hábitos sociais adequados – ajudar, agradecer, não sujar, não burlar, não oprimir, não causar mal, não discriminar, não ofender.

Inevitável nos sentirmos como a formiguinha na nossa contribuição minúscula de fazer o bem, mas lembre-se que é o bastante – sinta-se satisfeito e feliz.

Você pode não ser capaz de mudar o mundo, mas será capaz de mudar o lugar onde você está.

Como diz o Dalai Lama: dar o melhor de si é a realização do seu potencial e é a sua contribuição para um mundo melhor.

Temos que nos dar valor e reconhecer que estamos fazendo o que deve ser feito. Os resultados podem não ser visíveis, afinal, o mundo é complexo e resultados podem vir no longo prazo. Mais do que isso, é que pode acontecer em algum lugar remoto do planeta.

Não descuide da sua responsabilidade, fique bem e seja feliz.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta