Em paz com suas decisões

Em paz com suas decisões

Pondere e analise bem as suas decisões, mas fique em paz com elas, uma vez assumidas.

Facilite a sua tomada de decisões. Descomplique. Torne as suas escolhas factíveis, alcançáveis. Facilite a sua vida e seja mais feliz.

Não coloque no elenco de alternativas aquelas impossíveis. Não coloque no elenco de decisões aquelas desastrosas.

Entenda que decisão significa liberdade. Aproveite bem e de maneira inteligente.

Não tomar decisão alguma é tomar uma decisão. Não abandone a sua responsabilidade sobre a sua vida. Reflita com cuidado sobre tudo que te impacta, escolha bem, decida bem, e busque aconselhamento quando for o caso.

Não ignore suas necessidades, mas leve em consideração as outras pessoas. Não prejudique os outros. Pense nas conseqüências das suas decisões.

Importante:

Pense nas boas conseqüências das suas decisões – pense no bem que vira com a sua decisão.

Não interfira na vida dos outros. Não decida pelos outros, tirando deles a liberdade de decidir.

Não tente controlar os outros, esperando que os outros levem a vida que você espera que levem.

Quando a decisão estiver difícil entre duas alternativas, pense na possibilidade de uma terceira alternativa.

Considere sempre as probabilidades de cada evento acontecer. As coisas não são equiprováveis.

Considere os prós e contras de cada alternativa.

Focalize a sua atenção nos aspectos importantes.

Faça sua lição de casa e colete toda informação necessária para uma boa decisão. Não tenha preguiça.

Acredite nos seus sentidos. Se compenetre para a decisão, pense no seu bem, e seja honesto quando pensa no seu futuro.

Temos muitas dúvidas quando se trata do nosso futuro, e algumas decisões críticas podem nos amedrontar, mas decidir é parte da vida, da nossa responsabilidade.

Muitas vezes uma grande decisão é formada por várias pequenas decisões. Decida por partes e vai te parecer mais fácil.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta