É sempre possível melhorar a situação, amenizar o sofrimento, consertar o que está quebrado

É sempre possível melhorar a situação, amenizar o sofrimento, consertar o que está quebrado

Não há sofrimento que não possa ser amenizado, e temos que ter em mente que sempre podemos melhorar a nossa situação. Temos que agir com calma, serenidade, pois não há nada na vida que não tenha jeito.

Às vezes, os caminhos da vida nos levam para destinos indesejados. Perdemos familiares, desatamos relacionamentos, falimos, e por vezes nos incapacitamos. Mas tudo tem jeito. Sempre dá pra consertar e recomeçar, e o sofrimento é parte da nossa vida.

Não podemos fazer o tempo voltar. Não dá para fazer diferente o que já foi feito. Podemos, no entanto, aceitar o que ocorreu, com serenidade, e seguir em frente.

Tenha calma, examine com cuidado a situação, pois às vezes o problema sequer existe. Um pouco de boa vontade e aceitação pode colocar tudo no lugar.

Muitas vezes, uma pequena ação rápida pode levar o problema a desaparecer gradativamente.

Lao Tzu:

Gosto das palavras de Lao Tzu que diz que devemos abordar os problemas complicados quando ainda são simples e devemos fazer as grandes coisas quando ainda são pequenas.

Simplifique as coisas e ficará mais fácil de resolver. O nosso ímpeto de resolver um problema pode nos levar a engatar vários juntos, e aí a coisa pega.

Resolva primeiro o problema em casa, depois conserte o carro e depois programe as férias.

Faça um checklist e vá ticando até a lista desaparecer. Se dê crédito quando conseguir chegar ao final da lista.

Quando as coisas começam a complicar, se reconecte. Não faça as coisas por controle remoto. Hoje em dia, com celular, e-mail, caixa de mensagens, tudo isso nos dá a impressão que estamos resolvendo, mas está tudo solto. Volte aos contatos pessoais, olho no olho.

Ganhe a sensação de que a coisa está se resolvendo, de que você não está empurrando com a barriga.

Faça uma coisa por vez, e primeiro as coisas mais importantes – estabeleça prioridades.

Finalmente, não deixe de se divertir.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta