É pra ser mais feliz

É pra ser mais feliz

Quero te ajudar a ser um pouco mais feliz neste ano. É muito importante para cada um, encontrar as ferramentas que funcionam melhor em cada circunstância e para cada fase em que está vivendo. Cada um deve fazer o seu próprio trajeto, se dedicando de coração ao dever de casa.

Gratidão:

Para alguns, o exercício da gratidão é muito efetivo. Quem não agradece pelo que tem, acaba dificultando os caminhos para se ter mais. A gratidão nos traz um sentimento de grandeza, de que a vida vale a pena, e que todo momento somos agraciados com alguma coisa.

Perdão:

Para outros, o exercício do perdão é extremamente valioso. Perdoar os outros e sobretudo a si mesmo, nos tira um peso enorme do nosso coração. E perdoar não significa necessariamente reatar ou se aproximar da pessoa perdoada. O perdão é um favor que fazemos a nós mesmos. Temos que fazer do perdão um exercício diário.

Amor:

Coloque amor em tudo que faz, mesmo que seja algo que não gosta muito de fazer.

Dedique amor genuíno a todas as pessoas. Faça isso mesmo para as pessoas que você não conhece e que encontra casualmente. Ao encontrar, imagine um pouco da reserva de amor que você tem no coração sendo presenteado a esta exata pessoa. Vai verificar que a sua reserva é infinita. Quanto mais você dá, mas ela se acumula no seu coração.

Aceitação:

A aceitação é um passo importante para ser mais feliz. A insatisfação, a revolta e descontentamento com o mundo que nos cerca nos traz um gosto amargo na boca. A vida fica azeda, deixamos de gostar de tudo, dos outros e de si mesmo. Temos que aceitar tudo, principalmente aquilo que não conseguimos controlar, algo que está fora do nosso alcance. É sempre bom lembrar que aceitação não significa resignação ou mesmo gostar daquilo que não gosta. Aceite como forma de estabelecer uma relação serena e harmoniosa com o mundo.

Generosidade:

Seja generoso com as pessoas que te cercam. Queremos fazer o bem, como quem vai salvar o planeta. Nos preocupamos com os refugiados da Síria, os flagelados do terremoto na Ásia, e nos esquecemos de fazer o bem para as pessoas que estão mais perto. Muita preocupação e pouca ação é também um sinal de egoísmo e prepotência.

Estabeleça para este ano um único aspecto da sua vida, do seu comportamento e do seu caráter que você quer melhorar. Desenhe um plano de ação concreto para fazer isso e comece agora mesmo. Não seja ambicioso quando se trata do crescimento pessoal, pois essa caminhada é feita um passo de cada vez, e assim como o bebê que dá passos miúdos até que ganhe mais desenvoltura. Nós adultos temos que ter a mesma humildade para fazer esse trajeto.

Um dia de cada vez, faça deste ano, um ano de progresso, de crescimento. Enfim, um ano um pouco mais feliz.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta