Disciplinar a nossa vida interior.

É importante impormos uma certa disciplina à nossa vida interior.

Isso serve para termos uma orientação mais profunda e segura para seguir.

O significado que cada coisa tem na nossa vida, vem de uma reflexão interior, de uma orientação interior.

Não ter uma orientação interior significa também uma vida à deriva.

A orientação nos dá clareza aos nossos propósitos, às nossas preferências.

Algumas coisas na vida acontecem de maneira quase que automática – sucesso na carreira e acumulação financeira. Nos dedicamos com afinco e isso acaba acontecendo de uma maneira ou outra. Será que isso é tudo?

Disciplina interior:

A disciplina interior nos dá a calma e serenidade necessária à reflexão, e esta nos permite a orientação na direção da nossa felicidade e bem estar.

Segundo o Dalai Lama, a disciplina interior é uma questão de exercício, prática e treinamento, e isso transforma a nossa vida.

Nos dá o senso de proporção e prioridade.

Nos capacita gradualmente para nos liberar do sofrimento.

Diz o Dalai Lama:

“Não importa as condições e circunstâncias externas, elas não te trarão felicidade e bem estar se você não tiver uma disciplina interior que traga calma e serenidade à sua mente.”

A disciplina interior muda a perspectiva com que você enxerga a realidade. Muda o senso de causalidade dos fenômenos e dos eventos. Nos coloca em sintonia com aquilo que realmente está no nosso controle, enfim, aquilo que pedimos sempre na oração da serenidade.

Acalmar a nossa mente, colocar uma disciplina interior é um ato de amor consigo próprio. É deixar aflorar os seus desejos autênticos, as suas necessidades reais e o seu verdadeiro projeto de felicidade.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta