Desenvolva o oposto.

Temos sempre uma disposição para trabalhar e desenvolver alguma qualidade que nos falta.

Temos a mesma disposição para nos livrar de algum defeito que nos acompanha há muito tempo.

Mas nem sempre é fácil identificar uma coisa ou outra.

Debbie Ford:

Debbie Ford nos dá uma dica.

Quando conversamos com outra pessoa, facilmente identificamos alguma qualidade no outro que gostaríamos de ter. Veja algumas observações que fazemos com frequência:

-gostaria de ter a sua coragem;

-queria ter a sua disposição para fazer as coisas;

-queria ter a sua capacidade.

Diz Debbie, que devemos entender que as mesmas qualidades que vemos nos outros, as temos nós mesmos, e é possível desenvolvê-las.

Negatividade:

Mas quando olhamos para si próprio, temos o vício de olhar de forma negativa, olhando para o oposto:

-tenho muito medo de enfrentar tal situação;

-sinto uma preguiça e sempre deixo para depois;

-nunca vou ser capaz de fazer isso.

Nos ensina Debbie que temos que desenvolver o oposto.

Quando somos tomados pelo medo, temos que desenvolver a coragem.

Se temos o hábito da procrastinação e nos sentimos preguiçosos, devemos desenvolver a prontidão, a disposição e a ação.

Desenvolver o oposto nos ajuda a livrar dos defeitos e deficiências.

Olhar para a qualidade que queremos, estimulando-as diariamente vai nos tornar ídolos de nós próprios.

Que tipo de pessoa quero me transformar?

Não precisaremos admirar tanto os outros, pois vamos ter as qualidades nós mesmos.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked