Deixe o passado em paz

Deixe o passado em paz

Aceite o seu passado, fique em paz com ele, e permita que as lições sejam aprendidas.

O passado é imutável, mas a sua atitude em relação ao ocorrido pode ser repensado. Não sinta vergonha nem arrependimento de nada do passado, isso não vai mudar o passado e não vai melhorar o seu futuro.

Aceite o seu passado e siga em frente.

Não fique pensando que algo poderia não ter ocorrido. Não deseje voltar o tempo e mudar tudo. Não fique brigando com o passado.

Os arrependimentos, a vergonha e a culpa são fantasmas que saem do passado para assombrar o seu presente.

Se desligue um pouco, e mantenha uma distância emocional adequada enquanto percorre lembranças de erros do passado.

Lições aprendidas:

Pense mais nas lições aprendidas que nos erros cometidos.

Não permita que as coisas que já passaram se enganchem no seu pé, te impedindo de seguir adiante.

Passar por cima dessas coisas é sinal de maturidade, de grandeza e vai melhorar a sua auto-estima.

Se liberte, se perdoe, aproveite a vida, e faça as pazes com o seu passado.

Assisti outro dia um filme em que a protagonista dizia:  “estou me tornando a mulher que a minha mãe criou, mesmo depois de anos do seu falecimento”.

Eu tenho esse pensamento corriqueiramente, pois os meus pais já se foram, e me dou conta que continuo aprendendo com o meu passado de convivência produtiva com eles.

O passado tem o seu valor amplificado de diversas maneiras.

São lições que aprendemos mesmo depois da ocorrência dos eventos.

Lembranças maravilhosas que não nos deixam esquecer da vida abençoada que recebemos.

Um caminho produtivo que evidencia a nossa capacidade de progredir, melhorar e se tornar a pessoa que desejamos ser.

Para que tudo isso aconteça – esteja em paz com o seu passado.                                                                                 Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta