Crescimento permanente.

O mundo tumultuado, competitivo e materialista quase que nos força ao esquecimento de que temos como objetivo principal na vida, o nosso crescimento pessoal permanente.

Queremos todos ser uma pessoa melhor a cada dia, mas é difícil se dar conta disso na correria para sobreviver ao trabalho, às finanças, dar conta das relações e da família.

No entanto, é fundamental para não nos desviarmos daquilo que dá sentido à nossa vida, o objetivo maior de crescimento pessoal.

Se você encontrou o seu caminho, siga nele, crie mecanismos para sempre te trazer para ele, pois é muito fácil pegarmos atalhos tortuosos.

É como o fio de Ariadne – precisamos ter um.

Quando Teseu ia cruzar o labirinto para matar o Minotauro, Ariadne lhe deu um fio que ele foi desenrolando enquanto prosseguia. Este fio o traria de volta, após concluída a empreitada.

Todos nós precisamos de um fio de Ariadne para nos trazer de volta para o caminho certo.

Um mecanismo bom é a reflexão serena sobre a sua busca, suas forças e deficiências, sua jornada e as pessoas envolvidas. Faça isso sempre que possível.

Reflita também sobre suas paixões, aquilo que te move, o motivo da sua ação, a sua motivação.

Mantenha uma visão de você no futuro – uma visão de você melhorada – caminhe para esta visão.

Faça a sua parte, se empenhe, seja resiliente, dê o melhor de si, pois as coisas não acontecem por acaso tampouco caem de bandeja.

Queremos fazer muito e fazer mais, mas é preciso que tenham significado e se encaixem na sua busca pessoal – vá com calma.

Faça boas escolhas, pois o caminho do crescimento pessoal, longe de ser uma rodovia sem bifurcações, te impõe também decisões críticas e importantes.

Se fortaleça emocionalmente e espiritualmente.

Acredite em você.

Passe adiante.

Beco

1 Comentário

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta