Como se exercitar pode te deixar feliz (e mais ainda em grupo)

Como se exercitar pode te deixar feliz (e mais ainda em grupo)

Temos um corpo físico que pede para estar em movimento. Não podemos perder qualquer oportunidade para se movimentar, nem que seja um pouquinho.

É comum estimularmos as crianças à prática de esportes, levando-as aos ambientes de grande competição.  Às vezes o ambiente acaba inibindo-as, e depois, quando adultos, fica um trauma residual difícil de vencer.

É importante a prática de esportes e exercícios físicos para uma vida saudável e feliz. Aprender um novo esporte é uma recomendação interessante em qualquer idade.

Quando adultos, inventamos muitas desculpas para nos afastar dos esportes: cuidar dos filhos, trabalho, deveres do lar, cansaço, cuidar dos pais, cuidar dos sogros, os trabalhos da igreja e a conhecida preguiça.

Comece devagar:

É bom começar devagar, num ambiente sem muita pressão.

Quando despontamos num esporte, a primeira coisa que ganhamos é uma autoestima elevada.

A segunda coisa é um hábito saudável de cuidar do corpo, que vem acompanhado de sono regular e alimentação adequada.

A terceira coisa é o grupo de relacionamento em torno do esporte, normalmente um grupo saudável.

Comece com alguém que já pratica o esporte.

Use o equipamento adequado e tome algumas aulas, se aconselhe com profissionais.

O esporte ajuda efetivamente na manutenção do peso corporal, e no longo prazo permite uma vida longa e saudável.

O exercício físico fortalece os órgãos do corpo, não só aqueles que você vê, mas o coração, os pulmões e tudo o mais.

O esporte melhora o seu humor, afasta o estresse e é divertido.

Tem sempre um esporte interessante compatível com a idade.

Há ainda modalidades de esporte para os quais a idade é quase irrelevante, a natação, por exemplo.

Para quem não quer competir, pense num esporte sem pódium. Pense nas inúmeras vantagens que vai além da notoriedade das medalhas.

A atividade em grupo é então um capítulo à parte.

Num artigo da BBC, estudiosos avaliaram a produção de endorfina numa determinada atividade conduzida solitariamente e em grupos.

A produção de endorfina é substancialmente superior quando praticamos em grupo, o que significa maior resistência à dor e mais satisfação.

Isso sem contar o exercício da cooperação, a ampliação da rede de relacionamentos, o aprimoramento da persistência e da disciplina.

A prática do esporte é também um momento de total descontração e relaxamento, uma pausa para o estresse da vida cotidiana.

Se interesse pelo esporte que os amigos praticam, procure saber, conhecer, experimente, pratique.

Rubens Sakay (Beco)

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta