Comece o dia com um ato bom.

Nada melhor que começar o dia com um ato bom.

Pode ser um ato bom para alguém ou para você mesmo, ou pode ainda ser um ato para ajudar a melhorar o planeta, a humanidade.

Não se esqueça de que um mínimo ato, quando somado a milhões de outros, faz diferença.

Mas o mais importante aqui, é acertar o diapasão do seu dia, sintonizar-se com bons pensamentos e atos virtuosos.

Deixe que a bondade funcione para você.

Uma mente positiva:

Assim como o músico afina o instrumento antes de qualquer peça, você acerta a sua atitude e modo mental para coisas positivas.

Já nos esquecemos de agradecer coisas e atos de outras pessoas. Uma boa maneira é começar o dia enviando uma mensagem para alguém agradecendo alguma coisa.

Na fina do supermercado, sempre há uma possibilidade de ajudar alguém a fechar a conta com alguns centavos. Pode fazer diferença.

Quando estamos sendo atendidos, numa farmácia, num restaurante ou qualquer estabelecimento, pode ser o momento para um elogio, um agradecimento.

Fazer um favor a um amigo, e quem não precisa de ajuda.

Recomendar alguém, elogiar o trabalho, dar um feedback construtivo, enfim qualquer coisa positiva que seja uma contribuição para alguém.

Enviar a alguém a recomendação de alguma leitura interessante que você encontrou na web. Ninguém consegue garimpar tudo, e uma ajuda é sempre bem-vinda.

Ajude alguém com os pacotes no estacionamento, no supermercado, ou mesmo na rua.

Dar o lugar no metrô, no ônibus ou no trem. Dar indicações corretas, ajudar que está perdido na cidade.

Muitas chances para ajudar:

Enfim, se imaginarmos uma lista, vamos ficar horas escrevendo maneiras de começar o dia de maneira boa e positiva.

Muito embora sejam atos simples, às vezes é inesperado e confortante sabe que pode contar com pessoas estranhas.

Experimente fazer isso, e vai ficar sintonizado para quando receber também um ato de bondade.

Dando e recebendo, a satisfação é igual.

Se ligue nisso, e seja feliz.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta