Vocação Posts

Acreditar em si próprio é essencial.

Você vai enxergar as oportunidades, pois os caminhos e desafios se encaixam nas suas potencialidades.

Facilitar encontrar as soluções e alternativas, pois acreditamos que podemos executá-las.

Acreditar em si estimula e nos empurra para a ação, nos tira da imobilização.

Vamos transbordar confiança e as pessoas sabem que podem acreditar na gente.

A vida perdida.

Conhecemos muitos exemplos de vida perdida. A vida não é perdida na morte, e sim na vida sem significado, desperdiçada em futilidades.

E a vida pode ser perdida muito facilmente, o que muitas pessoas constatam quando é tarde demais, quando a maratona está na reta final.

Seria uma coisa muito triste, saber ao final da vida, que jogou tudo fora, se preocupando com coisas que sequer são da sua conta, e acumulando coisas que não terão qualquer utilidade para onde vamos – o final de todos nós.

Poucos prazeres e muitos afazeres.

Dizem que não somos mais seres humanos, somos afazeres humanos.

Estamos, muitas vezes, correndo atrás do rabo, gerando calor sem que qualquer valor seja agregado à nossas vidas.

Dê uma parada para refletir.

Desça por um momento dessa esteira hedônica.

Experimente ficar sem fazer nada.

Aprisionado na própria vida.

Como diz Ken Robinson, o Elemento está presente na nossa vida mais freqüente do que imaginamos.

Ficamos achando que o tempo já passou e que as oportunidades surgiram, mas já foram perdidas.

Não dá mais pra pegar o bonde.

Não foi possível seguir seu coração, sua paixão.

Ficamos então prisioneiros na vida sem significado.

Desenvolva uma segunda natureza.

Desenvolva uma segunda natureza.

Desenvolva novos hábitos e mais saudáveis.

Se livre dos pensamentos tóxicos.

Se livre das companhias tóxicas.

Cada um de nós é especial.

Somos únicos e somos todos especiais.

Tudo que acontece na sua vida é porque você especial.

Cada um conduz a própria vida de maneira particular e isso nos torna indivíduos únicos e genuínos.

Se somos seres únicos, com uma individualidade, porque não tornar essa existência realmente especial?

Seja autêntico.

Rosey Grier

Seja você mesmo.

Muitas vezes nos cerceamos de fazer coisas que apreciamos muito, só porque não achamos que fica bem, ou porque alguém vai fazer um comentário negativo.

Tenho sempre em mente o exemplo de Rosey Grier. Ele foi um jogador de futebol americano, ídolo de seu tempo, e temido pelos adversários nos tempos que defendeu o L.A. Rams.

Ao se aposentar das quadras, Grier foi guarda costas de Robert Kennedy durante a campanha presidencial, e ressente de não ter podido evitar o assassinato, enquanto estava guardando a esposa de Kennedy.

Grier comandou programas de televisão, gravou discos, apareceu em filmes, mas a coisa que mais me chamou a atenção, foi a paixão que tinha pelo tricô.

Ele poderia muito bem ter deixado essa paixão guardada pelas paredes do lar, mas foi muito adiante. Ele editou um livro: tricô para homens, que é a ilustração da postagem de hoje.

A sua imagem está sempre associada ao gigante que foi nas quadras, e a candura pessoal, o que lhe rendeu o nome de Gigante Gentil – Gentle Giant, o título de sua autobiografia.

Sinto nessa história, o chamado pela autenticidade, seguir aquilo que é a nossa cara, aquilo que adoramos fazer, mesmo que não seja muito usual e comumente aceito como coisa de homem.

Tanta gente se realiza fazendo coisas inusitadas. Ken Robinson no seu livro O Elemento cita um grande número de casos conhecidos de pessoas que, a exemplo de Grier, se realizou em coisas significativamente apartadas da sua ocupação original. Um caso clássico é do médico Khaled Hosseini, que realizou o seu sonho, hoje reconhecido no mundo inteiro, de escritor de ficção. Uma obra bastante conhecida no Brasil é : O Caçador de Pipas.

Preste atenção na sua roda de amizades, quanta gente faz coisas interessantes e muitas vezes inesperadas. Acredito nisso, a realização da autenticidade de cada um.

Valorize as suas preferências, o seu talento.

Faça o que lhe confere autenticidade.

Beco