Satisfação Posts

Feliz com o que tenho.

Sou uma pessoa feliz com o que já tenho.

Dizem que uma pessoa rica não é aquela que tem muito, mas aquela que precisa de pouco.

Procuro mais, e quero realizar mais, mas não perco nenhuma oportunidade de aproveitar, agradecido, por tudo que já tenho.

Uns podem pensar que para querer algo novo tem que estar insatisfeito com o velho. Por exemplo, desejar um carro novo porque está descontente com o atual.

Não se esqueça.

Não se esqueça da pessoa que tem dentro de si.

Se cuide com carinho, não se agrida e tampouco se deixe contaminar, se estragar pelos acontecimentos negativos.

Toda vez que sentir a raiva te dominar, pronta para te envenenar, pense no cuidado que tem que ter consigo, e se acalme, não deixe entornar o caldo.

Deseje o bem do outro.

Deseje o bem do outro, em qualquer circunstância.

Mergulhe nesse mar de generosidade, deixando, você próprio, transbordar o que você tem de melhor, querer o bem do outro.

Mesmo que a pessoa seja desconhecida, mesmo que seja uma pessoa que você não goste muito, deseje-lhe o bem.

Com essa prática, você vai sentir um repentino bem estar. Saiba que toda experiência emocional é também uma experiência fisiológica, alguma coisa acontece na sua biologia. Vai fazer bem para a sua saúde.

Se livre de maus pensamentos, trazendo bons pensamentos para competir na arena da sua mente.

Preciso de um especialista em motivação.

Às vezes sentimos que precisamos de um especialista em motivação, alguém que nos ajude a levanta o ânimo quando tantas coisas nos puxam para baixo.

Aprendi com o memorável Meng, do livro Busque Dentro de Você, que o melhor especialista em motivação é você mesmo. Aliás, ninguém entende melhor o que te motiva, do que você mesmo.

Preste atenção naquilo que prende a sua atenção.

O que é que você gosta de fazer, e quando está fazendo não vê o tempo passar?

O que é te estimular e te desafia, e você sente que está puxando o melhor de você?

O primeiro dia da sua lua-de-mel.

Escreveu Leon Tolstoi que devemos viver o dia como se fosse o primeiro dia da lua-de-mel e o último dia das nossas férias.

No primeiro caso, queremos que dure a vida inteira. No segundo, gostaríamos que durasse a vida inteira.

Em ambas situações, me parece que nos empenhamos para aproveitar o máximo daquele dia, cada minuto, cada momento.

Não desista tão fácil.

Não desista tão fácil dos seus projetos, dos sonhos, dos planos. Nada é fácil e nada cai de bandeja, é preciso persistir, mostrar determinação e apostar em si mesmo.

Defender a sua posição, saiba que um pequeno avanço é o que é possível no momento, mas um passo adicional pode ser possível amanhã. Um passo de cada vez, com muita força de vontade.

Siga em frente, a despeito do medo. O medo nos trouxe até aqui em 60 milhões de anos de evolução, mas ele pode se mostrar desproporcional ao ambiente que vivemos hoje. Nem tudo que tememos hoje, vai se mostrar concreto e razoável amanhã.

Sem alvoroço, deixe a paz te encontrar.

Deixe a serenidade te encontrar, e a paz se estabelecer no ambiente.

Pare de correr por um instante, e deixe que a sua mente e o coração entrem em harmonia.

Hoje pode ser o momento de reflexão, de descanso, de reencontro, de harmonia.

Aproveite a paz que naturalmente se faz presente no dia de hoje. Sinta o desejo de que todos os dias sejam como hoje, uma benção.