Negatividade Posts

Terceiro compromisso

Terceiro compromisso

Nós nos apressamos a tirar conclusões de tudo, tomar partido, julgar, condenar, enquadrar, e pior é que fazemos isso com coisas que não nos dizem respeito, e Don Miguel Ruiz nos leva a esta reflexão no terceiro compromisso.

Depois que tiramos tais conclusões e ruminamos um pouco na nossa mente, passamos a acreditar e defender, mesmo que não façam qualquer sentido.

Quatro compromissos 1

Quatro compromissos 1

Muitos conceitos elementares são fáceis de compreender e difíceis de praticar, e hoje quero falar sobre o caso do famoso livro de Don Miguel Ruiz, Os Quatro Compromissos, e vou falar sobre um apenas e mais para frente falamos sobre os outros.

O primeiro deles é – SEJA IMPECÁVEL COM AS SUAS PALAVRAS.

A mudança pedindo para acontecer

A mudança pedindo para acontecer

Preste atenção para a mudança pedindo para acontecer.

Sempre digo que temos que estar sempre preparados para mudar para melhor. Mas isso não acontece com facilidade, muito embora pareça tão lógico.

Temos uma forte tendência para permanecer no lugar, ficar parado, estagnado, mesmo que a situação seja inadequada, indesejável e até mesmo perigosa.

Além das decepções

Além das decepções

Procure olhar além das decepções.

A vida costuma desafinar em muitos momentos. Nos decepcionamos com tudo e com todos, mas temos que enxergar o que está além desse momento negativo.

Não deixe isso ecoar por todos os aspectos da sua vida.

O futuro não vem no futuro

O futuro não vem no futuro

O futuro não vem no futuro. Quero dizer que ele não se apresenta para você como futuro, mas sim como pequenas situações, circunstâncias e acontecimentos no momento presente.

O futuro é uma ficção.

Não se deixe consumir pela raiva

Não se deixe consumir pela raiva

Temos muitos motivos para sentir raiva, é uma coisa natural que vem lá de dentro do nosso ser ancestral. No entanto, temos que atentar para o fato que a raiva pode consumir a própria pessoa, e temos que fazer alguma coisa para evitar.

É um mal que infligimos a nós mesmos, e fazemos mal ao ambiente e às pessoas à nossa volta.

Nos ensina Thich Nhat Hanh em seu livro “Aprendendo a lidar com a raiva”,

7 Razões para você não fazer fofocas

7 Razões para você não fazer fofocas

Fofocas provocam um mal nas pessoas impactadas e também nas pessoas que se utilizam desse recurso nocivo e destrutivo.