gentileza Posts

Qualidade nas interações.

Prime por conexões humanas cheias de qualidade, carregadas de energia positiva.

Não deixe o rancor, os ressentimentos a inveja e tantos outros sentimentos negativos povoarem as suas conexões com as pessoas. Não coloque veneno, não ofenda nem provoque reações que você mesmo não vai apreciar.

Plante exatamente o que quer colher. Se você quer simpatia, seja simpático. Se você quer ser bem tratado, trate bem os outros.

Experimente algumas receitas que dão resultado.

Toda vez que passar pelo caixa do supermercado, dê um sorriso autêntico, do fundo do coração, e faça um comentário positivo, elogie e seja agradável.

A virtude da generosidade.

O que nos faz generosos? Porque as pessoas doam um pouco dos seus recursos, seu tempo e energia para pessoas que necessitam? E ainda, porque algumas pessoas doam, e outras pessoas, portadores de recursos inesgotáveis não doam nada?

O fato é que a generosidade faz bem tanto para pessoas que recebem quanto para aqueles que doam.

Visto por esse lado, diria que as pessoas generosas são aquelas que gostam de si próprio. Aquelas que praticam essa bondade com os outros sabendo que, simultaneamente, estão sendo bondosos consigo mesmo.

Reaprendendo a amar.

Estamos sempre reaprendendo a amar.

Relacionamentos são fenômenos um tanto complexos, e podemos nos perder facilmente em invejas, ressentimentos e culpa. Por vezes, as agressões verbais em meio ao estresse afastam e nos afastam das pessoas mais queridas. Temos que fazer alguma coisa, tomar alguma providência inteligente – reaprender a amar.

O que já aprendemos, podem reaprender, não há segredo algum, mas é preciso vencer algumas barreiras.

Quando seguimos por um bom período nos maltratando, criamos uma barreira à reaproximação. Vencer esta barreira exige um bocado de coragem e humildade.

Funciona como o músculo que já foi bastante exercitado e requisitado, mas o sedentarismo aplicou uma penalidade pesada.

Pontos em comum.

Procure os pontos em comum que tem com a outra pessoa. Olhe com curiosidade para os mesmos interesses e estabeleça uma conexão a partir daí. O desenvolvimento da valiosa virtude da compaixão se inicia com a percepção de que somos iguais, desfrutamos da mesma experiência humana, seja ela boa ou ruim.

Há sólidos registros de que a sociedade americana apresentou índices maiores de compaixão depois do atentado de 11 de setembro, e isso normalmente acontece quando nos defrontamos com dificuldades, vivemos crises ou mesmo desastres.

A busca de pontos em comum nos impulsiona para a solidariedade, e de maneira mais profunda, a compaixão.

Mas não precisamos viver uma crise pessoal para buscar a compaixão. Podemos exercitar mesmo em tempos de calmaria.

Amigos no sucesso.

Dizia Oscar Wilde que qualquer um consegue se aproximar do outro quando está em sofrimento, mas um esforço adicional é demandado para ser simpático ao sucesso dos outros.

Não raro nos incomodamos com o sucesso dos amigos, sentimos inveja, nos sentimos desprestigiados e diminuídos.

Temos que fazer um esforço para evitar esse sentimento. Se alegrar com o sucesso dos outros deveria ser o padrão.

Quando nos alegramos com os outros, acabamos nos colocando para cima, a favor da positividade, do progresso, das realizações.

Deixe o amor te inspirar.

Deixe o amor te inspirar, deixe o amor te guia e dar brilho nas suas conexões.

Permita que ele tome conta da sua vida em todos os aspectos.

Contagie as outras pessoas e se deixe contagiar.

Muitas vezes interagimos com pessoas positivas, recebemos afeto, mas estamos tão estressados, apressados, e por vezes ainda impactados por eventos negativos, e isso tudo nos amputa para sentir a afeição que nos é oferecida.

Sinceridade.

Procure ajudar as pessoas. Dê qualidade aos relacionamentos, e seja sincero nas interações.

É melhor ser sincero, mesmo recebendo alguma contrariedade, e equilibre a sinceridade com a generosidade.

A sinceridade não é ofensiva quando a desempenhamos de coração aberto. Por outro lado, quando queremos ferir, contrariar e mostrar oposição, sempre vamos alimentar os conflitos e desentendimentos.

Aja da mesma maneira, mesmo no meio de várias pessoas, seja autêntico, não dissimule.