Exemplos Posts

Aprenda com o passado para melhorar o seu futuro

Aprenda com o passado para melhorar o seu futuro

Não podemos mudar o nosso passado, mas devemos aproveitar tudo que vivemos para melhorar o nosso futuro.

Meu pai se foi muito cedo, e em breve terei a idade que ele tinha quando nos deixou.

Reflito muito sobre o tempo que tivemos sozinhos, conversando sobre coisas diversas. E isso representa um montão de horas, pois costumava viajar com ele de carro e também fazer longas pescarias.

Inevitável relembrar as nossas desavenças e brigas, mas sinto uma satisfação enorme com as lições que ele me deixou.

Tenho tios que me ensinaram e seguem me ensinando coisas da ciência propriamente dita e coisas da arte de viver bem e ser mais feliz.

O homem mais feliz do mundo

O homem mais feliz do mundo

Sempre ficamos imaginando como seria a pessoa muito feliz. É possível, pois a revista Veja fez uma reportagem com aquele que a ciência elegeu como o indivíduo que apresenta a maior ativação cerebral relacionada com a felicidade. Ele é o monge budista Matthieu Ricard.

Matthieu Ricard:

Podemos conhecê-lo de muitas maneiras – vídeos no YouTube – livros escritos, e tantos artigos que se relacionam como seu trabalho sobre o budismo e a felicidade.

Ele é uma pessoa realmente adorável, doce e sábia, e esteve recentemente no Rio de Janeiro onde ministrou palestra no evento TED-Global.

Os cientistas criaram uma escala de medição da ativação cerebral da felicidade que ia até 0,30 – o que pareceu adequada para os indivíduos normais. Ricard atingiu 0,45 nesse padrão cerebral, o que deu a ele a fama de homem mais feliz do mundo. Ele mesmo refuta, dizendo que precisamos medir os demais 7 bilhões de indivíduos para fazer tal afirmativa.

Vale a pena descrever brevemente os seus ensinamentos.

Se inspire nos bons exemplos

Esteja com a mente aberta para perceber o bom nas pessoas, perceba as ações virtuosas e se inspire, tome como exemplos.

Quanta gente boa cruza o nosso caminho e quantos eventos que tocam o nosso coração, pessoas generosas, pessoas necessitadas e ajudas inesperadas. Como muita frequência nos deparamos com fatos que trazem à tona essa natureza humana tão virtuosa. Uma natureza  pronta para fazer o melhor, ajudar pretensiosamente, socorrer alguém em perigo.

A alegria altruísta.

A alegria altruísta é estar feliz pelo sucesso e felicidade de outros.

Se você tiver dificuldade para praticar isso, faça como nos ensina o Dr. Rick Hanson no seu livro “Hardwiring Happiness”: tente se sentir feliz com a alegria de um menino tomando o seu sorvete, a felicidade de um bebê no colo da mãe.

Depois passe para experimentar com adultos, passando por pessoas desconhecidas e já no estágio avançado, ficar feliz com o sucesso pessoas que você sequer gosta.

É difícil chegar a esse estágio, mas como tudo, devemos começar um passo de cada vez.