Desenvolvimento Posts

Escreva o livro da sua vida

Escreva o livro da sua vida

Esta semana recebi uma recomendação interessante da plataforma de gamificação para a saúde de que participo, que me envia diariamente uma indicação para melhorar a minha vida, especialmente na questão da saúde, e tem a ver com o assunto: o livro da sua vida.

Gamificação:

A plataforma que participo se chama Daily Challenge, talvez a melhor do mundo, aberto para qualquer pessoa. O foco maior é na movimentação, exercício físico, mas tem também nutrição, relacionamentos. Para aqueles que querem por email, uma recomendação diária, me mandem uma mensagem com o endereço de email que eu envio um convite.

O livro da sua vida:

Imagine que um biógrafo apareceu para escrever um livro contando tudo da sua vida nos últimos 12 meses, e você vai começar a contar tudo que aconteceu.

Faça um resumo, conte as coisas boas, os desafios vencidos, as dificuldades que você soube superar.

 

Celebre:

Você vai celebrar as realizações?

Você vai se sentir grato pela vida que tem?

Que tal examinar as novas habilidades adquiridas.

Você se sente mais madura, mais preparada para as adversidades da vida?

Anuncie:

Você vai dar uma dica da pessoa que você está se tornando?

Imagine que alguém vai ler o seu livro e vai ter, não só uma boa impressão de você, mas mais do que isso, vai ter a percepção da pessoa que você está se tornando.

Visão de longo prazo:

Um dos objetivos do exercício do livro da sua vida é trazer uma perspectiva mais de longo prazo. É trazer o seu olhar para um horizonte mais largo do que aquele que somos chamados a ter no nosso cotidiano. Ficamos tão entretidos com aquilo que temos que fazer na semana que nos esquecemos do que vamos fazer no ano que vem. Nos estressamos com algum conflito no dia de ontem e nos esquecemos de tanta coisa boa que aconteceu há 6 meses.

Escrever te faz bem:

Quando escrevemos sobre a nossa vida, somos obrigados a escolher as palavras, e isso é um exercício valioso de significação, de dar a verdadeira cor, o peso real de tudo que nos aconteceu.

Título:

Escolha um título para o seu livro.

“O ano que Maria decidiu cuidar mais de si mesma.”

“O ano que Paulo criou coragem para enfrentar de cabeça erguida o que vem pela frente.”

Foto de capa:

Cole uma foto, aquela que você mais gosta, e que retrata a pessoa corajosa que você é.

Isso é para você lembrar do seu valor, da sua história.

Rubens Sakay

Feliz no trabalho

Feliz no trabalho

Todo mundo quer ser feliz no trabalho. Não vejo ninguém procurando uma ocupação onde se sinta profundamente infeliz, mas temos que atentar para 3 aspectos distintos relacionados estritamente com o trabalho, com a ocupação e o tipo de atividade.

Quarto compromisso

Quarto compromisso

Comentei em postagens anteriores os compromisso de Don Miguel Ruiz e hoje comento o quarto compromisso : Sempre dê o melhor de si.

Compreenda bem a si mesmo, e em qualquer circunstância, dê o seu melhor. Aprenda sobre as limitações, mas não se intimide com elas, e não invente desculpas baseadas nas suas limitações.

Coragem não é ausência de medo e sim a capacidade de agir a despeito do medo

Coragem não é ausência de medo e sim a capacidade de agir a despeito do medo

Temos muito medo, e isso é característica ancestral, gravada no nosso DNA, mas temos que aprender a lidar com isso de maneira mais adequada. Muito medo pode nos paralisar.

Quando criança, usamos ter medo de muita coisa, o escuro, o barulho, os movimentos bruscos, as vozes alteradas.

Com o tempo, com a ajuda dos adultos e educadores, aprendemos que o mundo não é assim tão perigoso. Aprendemos que podemos conviver com o perigo e com as ameaças. Sabemos hoje que temos as ferramentas, físicas e psicológicas, para lidar com elas.

Não dependa tanto dos outros e assuma a tarefa de cuidar de si mesmo

Não dependa tanto dos outros e assuma a tarefa de cuidar de si mesmo

Assuma a tarefa de cuidar de si mesmo. Queremos a independência e autonomia desde cedo. Quando garoto, me lembro da aventura de fazer as coisas sozinho. Ainda jovem, a experiência de morar fora de casa foi uma mistura de liberdade, excitação e frustração. Mas a vida é mesmo difícil, a vida social um tanto complexa e a dependência uns dos outros acaba sendo a realidade.

É verdade que todos cuidam dos entes queridos, mas não devemos esperar nem reclamar que outros cuidem da gente todo momento, e especialmente com o envelhecimento, temos que trazer de volta a nossa ansiedade por independência e autonomia.

Aprenda mais sobre si mesmo atentando para as suas reações ao que acontece

Aprenda mais sobre si mesmo atentando para as suas reações ao que acontece

As nossas reações podem não ser adequadas para aquilo que estamos vivenciando.

Reagimos a tudo que nos acontece de acordo com aquilo que somos, sentimos e pensamos.

É como um espelho que rebate o que está na frente.

Nós somos assim.

Quer ser sempre jovem? Aja de maneira jovial

Quer ser sempre jovem? Aja de maneira jovial

Queremos parecer sempre jovens, não tenho a menor dúvida.

Mas agimos nesse sentido? Merecemos parecer jovens? Fazemos o dever de casa?

Você acorda de manhã se sentindo jovial?

Você prepara o seu café da manhã com um sorriso nos lábios?

Você vai ao trabalho assoviando uma canção qualquer?

Você mantém um espírito alegre por todo o dia?