Cuidado Posts

A zona de conforto pode te isolar, mas também pode te proteger

A zona de conforto pode te isolar, mas também pode te proteger

Todos nós pensamos numa zona de conforto, especialmente quando nos sentimos em crise ou ameaçados. Não devemos nos isolar por qualquer coisa, nem ativar o espírito de ermitão.

Mas quando nos sentimos tristes e deprimidos, uma boa receita é buscar a zona de conforto de cada um.

É um artifício mecânico, mas é uma pausa para o sofrimento que estamos experimentando.

Ouvir é um ato de amor

Ouvir é um ato de amor

Não prestamos mais atenção às pessoas, e muito menos ao que elas têm a dizer.

Estamos conversando com os outros, mas prestamos atenção apenas naquilo que dizemos – mais parece um monólogo.

Quando estamos com os outros, devemos estar presentes de verdade, e ouvir atentamente o que os outros têm a dizer, é um ato de amor, de generosidade.

Um enorme coração

Um enorme coração

IMG_0572No recente trabalho que fiz com o SESI na Paraíba, tive a sorte de conhecer Corrinha que trabalha no município de Queimadas no interior da Paraíba. Os trabalhos com a saúde e a educação sempre me emocionaram, tal é a entrega que tais profissionais revelam nas suas ações. Nos poucos minutos de uma breve caminhada, ouvi o relato do que é o trabalho dentro do Programa Saúde em Casa, um programa do governo, liderado pelo prefeito Jacó e coordenado por Rayssa,

Esteja próximo dos familiares

Esteja próximo dos familiares

Não se afaste dos seus familiares. É o seu primeiro núcleo social e deve ser preservado por toda vida.

Os adultos cuidam dos pequenos, os jovens cuidam dos idosos, e todos podem exercitar a bondade, a generosidade e o pertencimento ainda dentro de casa.

Tenha os familiares por perto, vai trazer conforto e a ajuda quando precisar. A possibilidade de poder contar com eles quando precisar já vai te deixar mais tranqüilo.

O toque físico

O toque físico

Não evite tocar as pessoas.

Em algumas culturas isso pode ser ofensivo, mas não na nossa.

Capriche na comunicação não verbal.

O que acontece quando tocamos as pessoas fisicamente?

Com o respeito adequado, tocar nos braços, nas mãos, nos ombros, no sentido de demonstrar carinho, proximidade, faz bem para o nosso bem-estar.

Aceite ser tocado, se isso  te parecer respeitoso e carinhoso.

Você não ganha nada criticando os outros.

Evite esse hábito ruim de ficar julgando e criticando os outros.

Não ganhamos nada em criticar e apontar para os erros e feridas dos outros.

Detestamos quando as pessoas nos criticam gratuitamente – temos que evitar fazer o mesmo com os outros.

É também um tempo perdido, pois focando a nossa atenção nos defeitos dos outros, deixamos de olhar para nós mesmos e desperdiçamos a energia que poderíamos investir em nos tornarmos pessoas melhores.

A disposição para ser feliz.

A felicidade não é fruto da posição que ocupamos, mas da disposição que temos para ser feliz.

Diz a ciência que cinquenta por cento da nossa felicidade é função da nossa aptidão genética, e que apenas dez por cento é fruto das condições externas, e um total enorme, quarenta por cento, é resultado das nossas próprias iniciativas.

Portanto, devemos abandonar essa atitude de esperar para ser feliz quando as condições forem favoráveis.

Podemos sim, assumir a nossa capacidade de tomar as iniciativas que realmente podem nos trazer a felicidade.