Caridade Posts

A fé na natureza humana

A fé na natureza humana

Apesar de tudo de ruim que tem acontecido, temos que ter fé na natureza humana.

Acreditar que as pessoas mudam e melhoram. Ter fé que o bem vai prevalecer.

Cada um é capaz de se livrar dos seus próprios defeitos e se tornar uma versão melhor de si mesmo.

Encontre na generosidade o nutriente essencial da vida

Encontre na generosidade o nutriente essencial da vida

A palavra generosidade nos traz à mente a sugestão de doação de algo material.

É claro que muita gente precisa mesmo é de algum conforto material, mas a nossa possibilidade de exercitar a generosidade ultrapassa o lado material.

Podemos fazer a diferença para muitas pessoas doando um pouco da nossa boa vontade, da nossa atenção.

Seja generoso e dê mais de si

Seja generoso e dê mais de si

Muitas vezes não doamos porque imaginamos que estamos perdendo alguma coisa.

Doamos muito sem perder nada.

Quando nos referimos a doar, poucas vezes nos referimos a dinheiro. É na verdade exercitar a generosidade.

Ajudar é doar.

Apoiar é doar.

5 dicas para criar filhos mais generosos

5 dicas para criar filhos mais generosos

Todos nós temos a noção de que devemos criar filhos mais completos, que sejam capazes, não só de realizar feitos destacados, carreira promissoras. Queremos ainda que sejam altruístas, generosos e queridos pela sua própria comunidade.

Como podemos ajudar para que eles se desenvolvam dessa maneira?

Vários estudos científicos mostram que as crianças trazem intrinsecamente a característica generosa. No entanto, a criação e a sociedade hedônica, as comparações, podem prejudicar o desenvolvimento da criança nesse sentido.

Dê mais, e pegue menos.

Você pode dar mais, e principalmente dar mais de si. Você pode pegar menos, querer menos, ser menos ambicioso.

Isso vai te fazer bem, vai te deixar mais feliz.

Quem dá, se beneficia mais do que aquele que recebe. Se você está na condição de dar, aproveite, não deixe passar esta oportunidade.

Dê mais do seu tempo aos seus entes queridos. Se dedique a eles.

Eu estive aqui.

Eu estive aqui e deixei isto. Com a idade avançando, inevitável pensar no meu legado.

Não me refiro a minha herança patrimonial, que por sinal é zero, mas aquilo pelo qual serei lembrado com satisfação.

O que estou deixando para a posteridade? Que valores passei adiante para as próximas gerações?

Acredito que isso tem a ver com aquilo que aprendi e fui capaz de passar adiante – aquilo que ensinei.

A generosidade.

A frase do mês de junho é despertar a generosidade.

O que há de tão especial na generosidade?

Porque devemos praticá-la?

É uma dessas coisas que achamos que fazemos para os outros, mas na verdade fazemos para nós mesmos.