Atenção Posts

Traga de volta as lembranças felizes

Traga de volta as lembranças felizes

Faça um esforço para trazer de volta as lembranças felizes. Sempre quando arrumamos a nossa casa ficamos no dilema de guardar ou descartar alguns objetos que pertenceram aos nossos antepassados.

Tenho objetos que pertenceram aos meus avós, aos meus pais que já se foram, e gosto muito de trazer as boas lembranças que este objetos me remetem. Acredito que todos vivenciam o mesmo tipo de experiência no seu cotidiano.

Isso acontece quando reencontramos familiares

Não fique tão preocupado com a vida do seu vizinho

Não fique tão preocupado com a vida do seu vizinho

É um desperdício total de tempo cuidar da vida dos outros, negligenciando a própria vida.

Não julgue o cardápio do vizinho, não dê palpites gratuitos, não faça mexericos a respeito. No final, é ele que vai comer a comida.

Ouvir é um ato de amor

Ouvir é um ato de amor

Não prestamos mais atenção às pessoas, e muito menos ao que elas têm a dizer.

Estamos conversando com os outros, mas prestamos atenção apenas naquilo que dizemos – mais parece um monólogo.

Quando estamos com os outros, devemos estar presentes de verdade, e ouvir atentamente o que os outros têm a dizer, é um ato de amor, de generosidade.

Você ouve ou só espera sua vez de falar? Cuidado!

Você ouve ou só espera sua vez de falar? Cuidado!

Preste atenção nas pessoas e mais ainda naquilo que elas estão dizendo.

Aprendemos com as nossas experiências e aprendemos muito mais com as outras pessoas.

Apesar de termos dois ouvidos e uma boca, corremos sempre o risco de falar mais do que ouvir.

Os outros estão falando, lições valiosas estão sendo repassadas, mas estamos tão concentrados nas nossas idéias que sequer ouvimos o que nos é passado de graça.

Ouça o que o outro está dizendo.

Conhecer as pessoas, conhecer a sua mente, aprender com as experiências alheias é um recurso que não devemos desperdiçar.

Aprendi algo valioso de uma postagem do Dumb Little Man- tips for life (pequeno e estúpido homem- dicas para a vida) sobre aprender a ouvir.

O estrago que as pequenas coisas estragadas nos causam

O estrago que as pequenas coisas estragadas nos causam

Muitas vezes, a vida corrida nos deixa cegos para coisas que estão quebradas com as quais nos deparamos todos os dias.

As coisas invariavelmente se quebram, mas devemos nos dar ao trabalho de consertá-las.

Uma lâmpada queimada, uma cadeira descolada, pode parecer coisa miúda, mas nos deparamos com todas essas coisas quebradas diariamente, o que certamente nos incomoda intimamente, sem que notemos.

Aprendi que quando notamos a coisa quebrada todas as vezes que passamos por ela isso nos traz um incômodo, mesmo que num nível imperceptível. Não sabemos que isso nos causa mal, mas isso nos enche de negatividade de forma cumulativa.

Os instantes mágicos da vida

Os instantes mágicos da vida

Não deixe a vida passar despercebida. Fique atento para a abundância e para os instantes mágicos que acontecem no seu cotidiano.

Um prazer momentâneo, um pássaro raro que cruza o ar. Uma flor tão esperada acaba de desabrochar. Uma brisa fria e maravilhosa num dia calorento. Fique atento, aprecie, saboreie. Não se distraia.

As lentes embaçadas

Limpe as lentes dos seus óculos e vai enxergar melhor, olhar o seu mundo com mais realidade.

Vamos nos enchendo de preconceitos, inveja e tanta competição que passamos a enxergar o nosso mundo de maneira bizarra e irreal. Isso é fruto da sujeira que vai se acumulando em nossas lentes.

O efeito é bem parecido com aquilo que ocorre com as lentes dos nossos óculos, e sabemos que temos que lavar e retirar a sujeira, e assim, surpreendentemente, passamos a enxergar melhor. Temos que fazer isso também com nossas lentes emocionais, e seguem algumas dicas para você fazer isso no dia a dia.