Bateu levou.

A atitude do – bateu levou– alimenta a infelicidade.

A atenção exagerada para o que vem de mal nos impede de ver o que vem de bem.

Estar preparado para responder com o mal nos força a carregar um saco de maldades permanentemente, e quando estamos com o espírito faminto, nos alimentamos daquilo que carregamos.

Não resta dúvida de que a dieta assídua de veneno nos torna infeliz.

Olho por olho, dente por dente é um ditado medieval que merece uma revisão.

Queremos justiça?

Queremos estar quites?

Queremos pagar com a mesma moeda?

Queremos dar o troco? Queremos ensinar uma lição?

No final, abster-se de dar o troco é a melhor lição.

O preço que estamos pagando para tais práticas do bateu levou, é a nossa felicidade.

Estamos entregando o que nos é mais caro, em troca de algo incerto, e de valor discutível.

Beco

1 Comentário

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta