As histórias positivas

As histórias positivas

Tenha prazer em contar as suas histórias positivas, aquelas que dão uma alegria de lembrar.

O exercício de recontar as nossas histórias positivas, reforça a satisfação que temos quando as relembramos.

Você vai perceber que tem mais prazer em recontar e relembrar coisas não materiais, as coisas que vem do coração, experiências vividas, inclusive por outras pessoas.

Um reencontro com um amigo de longa data. A descoberta de uma alma gêmea.

As histórias engraçadas, estas nos faz cair de rir sempre que as recontamos.

As etapas da nossa vida, as conquistas e barreiras transpostas são pratos prediletos das nossas histórias, e estão fortemente temperadas de força, persistência, amor e generosidade.

Vida abundante:

A vida é um mar abundante de passagens interessantes, que fazem valer a pena estarmos vivos. Navegue neste mar, com honestidade, generosidade e curiosidade.

Também os acontecimentos envolvendo outras pessoas, como exemplos de grandeza, dedicação, resignação e compaixão fazem parte das nossas histórias.

Percorra as fotografias antigas e faça isso com algum amigo ou familiar, e utilize as imagens para se lembrar de coisas agradáveis, pitorescas e engraçadas.

Se dê conta que o passado pode ser bem contado, mesmo nas etapas espinhosas do trajeto, quando contadas de maneira positiva, lições aprendidas e crescimento pessoal.

Se afaste de contar coisas sombrias e sórdidas das pessoas, normalmente fofocas negativas e despropositadas.

Se aproxime da luz, da alma e do coração. Tempere sempre com humor e alegria, puxe pela lembrança de outras pessoas, estimule os outros a fazerem o mesmo. Peça para que outros te contem passagens engraçadas da infância, da juventude, fatos interessantes dos familiares e amigos.

Evite o lado sombrio, maldoso e duvidoso nas suas histórias. Fuja da tentação de fazer uma fofoca, contar alguma maldade sobre alguém.

Seja o oráculo das boas novas. Não seja o oráculo da desgraça.                                                                                                                       Rubens Sakay (Beco)

1 Comentário

Nanci Checchia Baptista.

about 3 anos ago

Rubens tem sido gratificante te acompanhar pelo face me ajuda a pensar em muitas coisa do passado e presente parabens.

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta