As fontes diárias de alegria.

O nosso cotidiano nos brinda com muitas alegrias e às vezes não estamos atentos, e deixamos passar.

Um sorriso, um reencontro, uma palavra amiga de quem não é sua amiga e você sequer conhece.

Presto muita atenção ao comportamento das pessoas na fila do supermercado. No geral, é muita gente irritada, desconfiada e esquecida da generosidade que eventualmente praticam em outros ambientes.

Mas coisas inusitadas também acontecem, um ato de compreensão, empatia e simpatia com quem está se esbarrando naquela situação.

Isso pode acontecer entre a atendente e o cliente, e também pode acontecer entre dois clientes.

Pode ser uma coisa descontraída, sem qualquer interesse pessoal, e pode fazer diferença para as pessoas, que estão precisando exatamente de algum afago, um comentário alegre.

Pessoas felizes:

Ver as pessoas felizes também nos traz felicidade.

A felicidade é contagiante, como já comentamos aqui.

E no nosso cotidiano, é como se uma corrente do bem estivesse em ação, mas infelizmente, ela é invisível para muitas pessoas.

Alegria:

Essas pequenas fontes de alegria brotam de repente, e precisamos estar atentos para nos engajar na corrente.

Nos momentos de espera, que pode acontecer no banco ou no aeroporto, as correntes do bem podem funcionar maravilhosamente, pois estamos sem fazer nada, deixando a nossa mente vagar por eventos nem sempre positivos. É até um bom momento para ruminar as nossas infelicidades.

No entanto, se conseguimos ver as trocas de gentilezas, comentários positivos e amigáveis, estamos na verdade nos engajando na corrente do bem, no rosário de pequenas alegrias.

Momentos alegres estão acontecendo à sua volta.

Preste atenção.

Beco

1 Comentário

Eliza Lima

about 5 anos ago

Hoje, fiquei feliz. Recebi o livro que me enviou, abri e o texto me trouxe Serenidade para continuar o dia. Sou muito grata por tê-lo como amigo. Obrigada pela contribuição. Fique bem.

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta