Aprendi a me valorizar.

Me faz muito mal, mas é inevitável fazer algumas comparações com os outros.

Junto com as comparações, facilmente vem a auto depreciação. A atitude de se imaginar por baixo, desvalorizado.

Nesses casos, vale sempre a recomendação de evitar comparações, mas também a valorização de si próprio.

Descobrir a si mesmo:

Descobrir as próprias qualidades, e dar o devido valor a cada uma delas foi importante para me colocar de igual para igual com qualquer pessoa.

Cada um tem seu talento nato, e cada um faz o seu melhor com o que a natureza lhe ofereceu.

Aprendi sobre aquilo que tenho de melhor e coloquei atenção nas coisas que posso melhorar.

Hoje sei que o maior responsável por me valorizar, sou eu mesmo.

Se eu que sou proprietário das minhas qualidades não me valorizo, quem é que vai valorizar?

Aprendi a valorizar o que já consegui, o que aprendi, o quanto já caminhei, e os valores que guardo e compartilho, o exemplo que dou nas ações virtuosas e nos meus projetos, fazem parte da pessoa que eu devo me orgulhar de ser.

De cabeça erguida:

Ao me valorizar, me permito caminhar de cabeça erguida. Assim, com serenidade, consigo enxergar as dificuldades na sua devida proporção, e vejo mais clareza nas escolhas e decisões.

Quero ter sempre essa visão positiva e generosa de mim mesmo, e procuro me esquecer daquele garoto de autoestima miúda, cheia de ressentimentos e comparações.

Acredito realmente que a autovalorização deve ser buscada por todos, e o exame de si mesmo, quando feito de forma honesta e generosa, pode revelar o melhor de cada um.

Ao fazer isso, fique com melhor versão de você mesmo, aquela que você próprio descobriu.

R.S. Beco

2 Comentários

Ideniêr Fernandes Júnior

about 5 anos ago

Boa tarde estou passando por uma situaçao desta, nao imaginei que passaria por isso, sempre me afirmei, agora quando vejo que meu proximo nao tem restricao no credito e a vida financeira dele esta melhorando mais do que a minha fico deprimido e sem forças, estou procurando algo para me motivar mais para seguir em frente.

Responder

Fábio Alves

about 4 anos ago

Por mais simples e "bobo" o que você disse, isso é uma verdade fantástica que todos deveríamos ter sempre em mente. Adorei essa reflexão. Ótimo texto!

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta