Admita quando estiver errado.

Quando estiver errado, admita. Você vai se sentir aliviado.

Quando admitimos que estávamos errados, estamos aprendendo com os erros. Quando insistimos no erro, fechamos as portas para tal aprendizagem.

O receio de admitir o erro pode estar no receio de perder o respeito e admiração, mas é exatamente o contrário.

Não admitir o erro vai impor em você o medo de cometer o erro de novo, o que pode acontecer.

Aqueles que têm a grandeza de admitir os erros passam a ser respeitados pela honestidade, pela franqueza.

Não sinta inferioridade por cometer erros, e tampouco por admiti-los.

Dizem que erros é uma ponte entre a inexperiência e a sabedoria, mas é precisa cruzá-la – é preciso admitir – é preciso aprender com os erros.

Dustin Wax do excelente blog – Lifehack, nos passa algumas recomendações:

1-Veja as coisas da perspectiva de outra pessoa. Se coloque no lugar da outra pessoa que pode ser impactada pelo seu erro.

2-Seja empático e enxergue que outras pessoas, além de você, podem sofrer as conseqüências do seu erro.

3-Assuma a responsabilidade e não tente pular fora ou encobrir.

4-Aceite as conseqüências, o que pode ser duro, mas esteja preparado para isso.

5-Tenha um plano para corrigir, limpar a barra e tocar adiante os seus planos, a despeito do erro.

6-Seja honesto e mostre uma emoção sincera. Mostre que você se preocupa pelo que aconteceu e está disposto a reconstruir a sua reputação.

Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta