A vida que merecemos.

Sempre achamos que merecemos uma vida melhor.

Onde está o pote de ouro no final do arco-íris?

Onde está a recompensa por ser uma pessoa boa?

Há ainda o oposto, que acontece quando estamos com a auto-estima baixa, achamos que merecemos mesmo é o castigo e o sofrimento – eu mereço.

É algo inconsciente e automático, isso da pessoa se julgar azarada, atraindo coisas ruim e resultados indesejáveis em tudo que faz.

O Happines Institute divulga uma lista de 9 pontos para refletir sobre essa questão de merecer ou não merecer.

1-Não importa o que tenha feito, você é ou pode vir a ser uma boa pessoa.

2-Seu passado não precisa ditar o seu futuro.

3-Sinta-se merecedor e vai aumentar a chance de fazer o bem às pessoas.

4-Sinta-se merecedor e vai viver uma vida plena e saudável.

5-Você vai se preocupar mais com os outros, sentir mais compaixão.

6-Você vai se tornar mais resiliente.

7-Vai resolver os problemas mais efetivamente.

8-Vai contribuir mais para a família, trabalho e sociedade.

9-Não te parece razões suficientes para você refletir mais sobre essa questão do merecimento?

 Diz Brian que deveríamos utilizar a felicidade como medida do sucesso na vida. Quando somos felizes, temos sucesso.

Brian Tracy, no seu blog, enumera algumas boas receitas para se sentir mais merecedor da felicidade.

As pessoas são diferentes – felicidade é como num restaurante sef-service, onde cada um coloca uma combinação de alimentos e quantidades diferentes. Cada um tem uma combinação de fatores que conduzem à felicidade.

Ouça o seu coração – O mix de fatores e sua ponderação no alcance da felicidade mudam com o tempo, e a maneira de saber como está mudando é ouvir o coração.

Seja verdadeiro consigo mesmo – quando ouvimos aquela pequena voz interior, aí estamos sendo verdadeiros consigo mesmo.

Não há limites – quanto mais você sente que merece as coisas boas da vida, mais você passa a apreciar a vida e assim sucessivamente.

Faça da felicidade a sua medida – você deveria fazer da busca pela felicidade a motivo organizador da sua vida, e cada decisão seria então confrontada com a capacidade de te fazer feliz.

Pague o preço – temos que pagar o preço de fazer algumas pequenas coisas de que não gostamos para usufruir de uma felicidade maior no futuro.

Faça o que tem que ser feito – aceite o fato de que você merece a felicidade e que vai atingi-la com o seu esforço – faça da busca da felicidade sua luz guia – esteja disposto a pagar o preço e fazer a sua parte para atingir os objetivos e obter a recompensa.

Beco

1 Comentário

Suzie

about 7 anos ago

Olá Beco, navegando neste complexo e maravilhoso mundo virtual me deparei com esta raridade em palavras, idéias, propostas de amor e felicidade. Parabéns por você investir diariamente o seu valioso tempo em colocar textos lindissimos. Que Deus continue a te abençoar! Muita luz, paz, saúde e felicidade em sua caminhada! Suzie Alberti Alguém que acredita na felicidade e na vida!

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta