A vida impermanente.

A vida não é permanente, sabemos disso, mas agimos que se fosse durar para sempre.

Desperdiçamos nossos dias com coisas fúteis e desnecessárias, como se fossemos durar para sempre. Agimos como se tivéssemos direito a um tempo adicional para cuidar de si mesmo.

Vale sempre lembrar a afirmação de Gretchen Rubin de que os dias são longos, mas os anos são curtos. A vida passa muito rápido, e ninguém quer chegar ao final com as duas grandes decepções: perceber que a velhice chegou muito cedo, e a sabedoria chegou muito tarde.

Cuide da saúde, cuide da saúde:

Quem acha que vai chegar o tempo de cuidar da saúde, parar de fumar, usar substâncias, praticar exercícios físicos e se nutrir adequadamente,  corre o risco de se surpreender ao ver que já perdeu a entrada principal há muito tempo, e que doravante vai se defrontar com vias secundárias, tortuosas, acidentadas e que podem não te levar ao bom destino.

Os avisos para cuidar de si mesmo estão por todo canto. Ouvimos isso todos os dias, mas precisamos nos dar conta de que a mensagem nos cabe, que podemos assimilar e praticar.

Nada dura para sempre, nem as coisas boas e nem as ruins.

Em assim sendo, temos que aproveitar, saborear e usufruir plenamente dos bons momentos, ao passo que não nos estressamos em demasia com os momentos ruins, os quais não podemos controlar. Isso também vai passar.

Estresse:

O apego excessivo a tudo na vida é uma fonte de sofrimento.

O que resiste persiste, e quando tentamos a qualquer custo resistir às coisas ruins, também permitimos que elas não nos abandonem.

Também, quando nos estressamos, pensando que os bons momentos podem não durar, perdemos a oportunidade de saborear cada bom momento.

Desapegar não significa abandonar ou jogar fora, mas sim buscar a serenidade para se relacionar adequadamente com tudo que te cerca.

A vida é efêmera, e não há nada que possamos fazer a respeito, e temos pouco controle sobre ela.

Por esse motivo, devemos usufruir plenamente da vida enquanto há vida, com entusiasmo e gratidão.

R.S. Beco

1 Comentário

lilas666

about 4 anos ago

Republicou isso em Cosmopolitan Girl.

Responder

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta