A vida é um negócio de risco.

A vida é um negócio de risco, e sabemos que não há nada garantido nesta vida.

Cada decisão envolve algum risco. Cada caminho tem uma chance de sucesso, e cada projeto tem uma probabilidade de realização.

O risco é viver, e o bônus é viver plenamente, realizando, crescendo tirando o maior proveito de cada coisa que nos é oferecida.

Quem se coloca num casulo, não assume riscos e se limita além das suas limitações naturais, está perdendo a chance de aproveitar o que estamos fazendo de melhor neste planeta – viver.

Assim como o risco e retorno estão associados, vinculados, o resultado pode não ser o esperado.

Aceite e siga adiante:

Temos que aceitar que nada é garantido, nenhum resultado é cem por cento provável, e podemos sim nos decepcionar.

Quando isso acontece, temos que ter a lucidez para levantar a cabeça, aprender com o resultado e seguir adiante.

As decisões são assim ponderadas, quanto de risco estamos propensos a aceitar, levando em conta o resultado esperado.

A realidade é assim e a vida é assim, um negócio de risco.

Podemos aumentar em muito as nossas chances de sucesso, e a receita mais proclamada é o trabalho duro.

Sorte:

Já disse uma pessoa notável: “quanto mais me esforço, mais sorte tenho”.

No fundo é isso mesmo, podemos ter a sorte ao nosso favor, fazendo o dever de casa, se esforçando, limitando e bloqueando as chances de dar errado. Assim, reduzimos o risco, temos mais resultado, aprendemos e nos realizamos.

Quem é que não quer ter um resultado glorioso, mas para isso há que se entender os riscos envolvidos.

Podemos contar com a ajuda lá de cima?

Eu que sou religioso, conto sempre com uma Força Superior que pode onde eu não posso, mas sei que tenho que fazer a minha parte.

Com diz um ditado árabe: na tempestade, reze para Alá e amarre os camelos.          R.S. Beco

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta