A possibilidade de agir e fazer acontecer é uma benção

A possibilidade de agir e fazer acontecer é uma benção

Temos sempre a possibilidade e a escolha de como vamos levar a nossa vida.

Nós temos o hábito de inventar mil justificativas para não sair a campo, fazer as coisas, muda o curso da nossa vida.

Não devemos ficar presos nas análises intermináveis.

As questões podem ser difíceis, e um trajeto longo até os resultados aparecerem, mas a possibilidade de atuar, e a capacidade para tal, já em si é uma benção.

Não fique ruminando em cima das dificuldades. Nenhum resultado vem sozinho sem que tomemos a iniciativa de agir naquela direção.

Controle:

Muitas coisas estão fora do nosso controle, e às vezes não há nada que possamos fazer.

Quando temos a chance de influir, de atuar e de fazer, e temos ainda a capacidade para fazer, não devemos perder tempo, temos que botar as mãos na massa.

Às vezes nos sentimos perdidos e parece que ninguém vem nos resgatar. Temos que reagir, lutar, tomar a iniciativa, fazer um movimento para nos salvar. Temos que nadar até a bóia.

Enquanto não assumimos de verdade a nossa responsabilidade por nós mesmos, deixamos sempre uma fresta para escapar, para se desculpar, ou pior, para culpar os outros e se culpar.

Evite a estratégia evasiva.

Sinta que é capaz, e sinta que é o momento de agir.

No momento em que estagnamos, somos tomados por aqueles pensamentos tóxicos da culpa, arrependimento, ressentimento, raiva, medo e dúvidas.

Mantenha o movimento.

Aproveito para divulgar os três passos para conseguir e manter a felicidade, postado por Andrea DeBell, no blog The Bold Life. Andrea é uma brasileira que vive na Califórnia e se dedica ao tema felicidade.

-Aja de acordo com seus valores. O que você faz pode te levar à felicidade ou pode te afastar dela.

-Olhe o que você fala. Uma linguagem serena, com palavras positivas, promove um ambiente feliz para você e para aqueles com quem você interage.

-Olha o que você pensa. Muito da nossa infelicidade começa com pensamentos negativos sobre os outros e sobre nós mesmos. Preste atenção aos julgamentos, pois eles te levam facilmente para a zona da infelicidade. A consciência dos nossos pensamentos é o primeiro passo para mudá-los.

Faça isso tudo junto, simultaneamente. Incorpore na sua rotina diária.                                                                                                                   Rubens Sakay (Beco)

 

Sem Comentários

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta