10 Desculpas esfarrapadas

10 Desculpas esfarrapadas

Será que você é boa em dar desculpas?

Será que há desculpas boas e desculpas esfarrapadas?

Damos desculpas para os outros, e inventamos desculpas para nós mesmos, e com o ímpeto de enganar os outros, acabamos enganados nós mesmos.

Gretchen Rubin relaciona 10 desculpas esfarrapadas que eu replico nesta postagem.

1-A falsa escolha – “eu não posso fazer isso, pois estou muito ocupada fazendo aquilo” . Funciona como se a coisa tivesse te escolhido e não você, e portanto não há escolha senão fazer a coisa errada.

2-Licença moral – “eu tenho sido uma pessoa tão boa que acho que não faz mal cometer esse pequeno deslize”. Como se uma coisa boa pudesse eliminar a culpa pela coisa ruim.

3-Amanhã – “acho que posso faltar hoje, pois vou fazer isso amanhã” – fazendo uma promessa para amanhã que novamente será descumprida.

4-Falta de controle – “eu não consigo me controlar” . Como se a falta de controle justificasse fazer coisas ruins.

5-Minimizando – “isso não tem muita importância” – minimizando os desdobramentos do seu erro.

6-Isso não conta – “estou de férias”, “estou doente”, “é final de semana”- como se a temporalidade ou o estado em que me encontro fizesse toda diferença.

7-Assunção – “mas o rótulo diz que é saudável” – colocando a culpa na embalagem.

8-Preocupação com os outros – “não vou fazer isso, pois pode trazer desconforto para outras pessoas”. Como se isso fizesse diferença, afinal pouco me importo com os outros.

9-Falso motivo – “vou fazer sim,  pois a vida é uma só” – motivo que só vale para fazer coisas ruins, e quando se trata de uma boa ação essa desculpa não vale.

10-É só desta vez – “que diferença isso vai fazer se vou quebrar a promessa uma única vez” – me engana que eu gosto.

Escolha a sua e trabalhe:

Qual desculpa você gostou mais, a qual acredita ser encontrada com mais frequência?

Será que nos esquecemos de alguma outra interessante?

Dê sua opinião.

Rubens Sakay (Beco)

1 Comentário

Ailton

about 4 anos ago

Pura verdade Sakay, sempre arranjamos desculpas para ou não fazer algo. Interessante!

Responder

Deixe seu comentário

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked